Jesualdo crava: "Se acreditarem
no meu trabalho podem conquistar algo"
Foto:Divulgação/Santos

Nesta terça-feira (4), o Santos estreou na Libertadores com vitória de virada, fora de casa, pelo placar de 2 a 1, contra o Defensa Y Justicia. Os gols foram marcados por Rodríguez para os donos da casa e Jobson e Kaio Jorge para o Peixe. Assim, o triunfo na principal competição disputada pelo time praiano levanta a moral do treinador Jesualdo Ferreira.

Sobre a partida, o técnico português comentou que a defesa de sua equipe foi uma virtude em solo argentino e que isso se tornou o alicerce da equipe: "Quando a equipe sabe defender, e as pessoas acham que saber defender não é uma virtude, soubemos jogar de um jeito que não propiciou ao adversário. Soubemos tirar vantagem".

O português ainda fez questão de citar que caso o time continue nesse nível e a diretoria e torcida confiarem em seu trabalho, as conquistas podem vir ainda nesta temporada: "Se eles acreditarem naquilo que estou fazendo e no meu trabalho, podem conquistar alguma coisa. O Paulista ou a Libertadores".

Ao falar do destaque da partida, Jesualdo elogiou bastante o venezuelano Soteldo , principalmente pela assistência que deu no segundo gol da partida: "Nós tínhamos um plano para a partida. Começamos com ele. Mas tem detalhes que não conseguimos segurar. A entrada do Jobson deu mais força, mais potência no meio. O Soteldo tem de jogar nos dois lados. E creio que fez uma boa partida na direita, também”.

Jobson, autor do gol de empate, elogiou o técnico e pediu mais confiança no trabalho de Jesualdo Ferreira: “O professor tem uma experiência, conhece os jogadores. Ele sabe quem coloca, temos de confiar no trabalho dele”.

O Santos volta aos gramados no próximo sábado (7), às 19h30, quando recebe o Mirassol, pelo Campeonato Paulista.

VAVEL Logo