Pia Sundhage comenta empate contra Holanda: “Jogamos contra um dos melhores times do mundo”
Foto: Reprodução / CBF

A Seleção Brasileira enfrentou a Holanda nesta quarta-feira (4), pela estreia no Torneio da França. As equipes empataram por 0 a 0 e a técnica Pia Sundhage viu o resultado com bons olhos. 

"Elas jogaram a final da Copa há meses e estou orgulhosa, especialmente da defesa, que jogou junto pela primeira vez. Queria que tivéssemos criado mais chances, mas tenho muito respeito pela treinadora [Sarina Wiegman] e pela Holanda. Estamos felizes com o empate", disse.

Pia também justificou a mudança de posição de Luana, que foi considerada jogadora da partida.

"Por causa da viagem, tivemos algumas atletas que poderiam jogar na lateral direita, mas ela atua na Europa e não teve que lidar com fuso horário. Por isso, tentamos ela na lateral. Espero que a gente possa ir com seis defensoras na Olimpíada e precisamos de opção se tivermos lesões. Luana será uma das opções para jogar na lateral direita", declarou a técnica. 

Sobre o que a Seleção pode melhorar nos jogos contra França e Canadá, a treinadora aponta o ataque.

"O ataque ficou travado. Precisamos saber manter a bola e fazê-la chegar ao ataque", destacou.

Para Marta, o resultado poderia ter sido diferente. 

"Se não tivéssemos sido, de alguma maneira, diretamente prejudicadas em dois lances claros - um que foi, no meu modo de ver, pênalti, e outro que seria cartão vermelho – talvez teríamos saído com um resultado positivo", afirmou a atleta.

Na visão de Luana, o que faltou para a Seleção foi paciência. 

“A gente chegou perto da área, mas não conseguiu criar jogadas incisivas. Talvez pudéssemos ter feito escolhas melhores, mas temos atacantes muito rápidas e que finalizam muito bem. Acho que, se ajustarmos isso para as próximas partidas, conseguiremos fazer gols", disse a jogadora. 

 

 

 

 

VAVEL Logo