Sem autorização em Florianópolis, Avaí retoma atividades com bola em Palhoça
Foto: André Palma Ribeiro/Avaí FC

O Avaí realizou nesta tarde de terça-feira (27) o primeiro treino com bola após a paralisação geral devido à pandemia de Covid-19, em Palhoça.

Com respeito aos protocolos de segurança como distanciamento, o elenco avaiano utilizou as dependências do Renato Silveira, estádio do Guarani de Palhoça, para a realização do treinamento, já que a Prefeitura de Florianópolis não liberou as atividades.

Os trabalhos de passe, cruzamento e finalização tiveram duração de aproximadamente uma hora e meia. O treinador Rodrigo Santana voltou a comandar a equipe em um treinamento após a paralisação.

Após aproximadamente 60 dias sem treinos com bola, os atletas puderam novamente estar perto e fazer o que gostam, mesmo com a seriedade do momento no mundo, era fácil ver os atletas com um clima mais leve em campo enquanto realizavam as atividades.

Afastado dos gramados desde 2019 devido a uma lesão no joelho, Rômulo está completamente recuperado e realizou o treino com o grupo. Motivado o atacante do Leão projeta uma temporada vitoriosa.

Estamos aqui trabalhando forte, ninguém esperava algo como esta pandemia, mas seguimos trabalhando. Estamos motivados e queremos disputar o título nas duas competições que ainda temos”, afirmou.

Outro atacante que pode voltar aos gramados no retorno das competições é Daniel Amorim. O atacante também se recupera de lesão e espera voltar a fazer gols com a camisa azurra.

Fiquei muito tempo parado e agora volto com mais fome ainda de jogar e fazer gols, que é o que eu gosto. Meu objetivo é colocar o Avaí na Série A e jogar. Lá dentro meu papel é fazer gol e é para isso que eu estou trabalhando, para voltar a fazer gols”, disse.

O Avaí retorna as atividades na Ressacada nesta quarta-feira (27). A equipe volta a trabalhar na academia do clube. A equipe aguarda ainda liberação da prefeitura municipal de Florianópolis para poder utilizar o próprio CFA para as atividades.

VAVEL Logo