Fred afirma que vai de BH ao Rio de bicicleta para se apresentar no Fluminense
Foto: Divulgação / Fluminense F. C.

O Fluminense anunciou neste domingo (31) o retorno do atacante Fred. Em entrevista concedida à Rede Globo, durante a reprise do jogo que deu o tetracampeonato ao Tricolor, o atacante revelou que está em Belo Horizonte e que irá ao CT do clube, no Rio de Janeiro, de bicicleta.

A iniciativa faz parte de uma ação social para ajudar famílias carentes. Já que ele doará cestas básicas por quilômetro percorrido. Serão cerca de 600 km de distância.

Lógico, todo mundo queria estar junto da torcida para sentir o calor, mas estamos nos adaptando e encontrando alguma forma de fazer alguma coisa. Inclusive, estou treinando há uns meses, coloquei no meu treino bicicleta e vou fazer minha volta para o Rio de Janeiro, daqui de Belo Horizonte até o CT do Fluminense, de bicicleta. Vai ser muito desgastante, tem os riscos, mas o objetivo é de conseguir donativos” disse Fred.

O novo reforço Tricolor também contou que antes desse projeto funcionar, ele já tem alimentos para ajudar mais de três mil famílias. E fez questão de elogiar a torcida do Fluminense e o povo brasileiro. Segundo ele, são muito solidários. Finalizou fazendo um pedido aos torcedores e ciclistas. Por conta da pandemia de coronavírus, não é para acompanhá-lo.

A única coisa que quero pedir para todo mundo, até pelo momento, é para nossa torcida não acompanhar. Para manter o distanciamento, para ter os cuidados, todo mundo ficar de casa. Vou tentar filmar a maioria das coisas, a galera vai poder acompanhar nos meus stories. Meu sonho seria chegar ao Rio com todo mundo me abraçando, um monte de bicicleta me acompanhando, mas, infelizmente, não dá para fazer isso. Então fica para próxima, quando tudo melhorar”.

Ainda na participação, Fred revelou que o interesse de sua parte e do Fluminense já existia há muito tempo, principalmente por conta de sua aproximação com o presidente Mário Bittencourt. Também ressaltou que o acerto foi essa semana e que demorou devido à pandemia.

Já estava ansioso, sabia que ia sair de todo jeito. Uma das coisas que atrapalhou o acerto antes foi essa pandemia que infelizmente estamos vivendo, mas fiz dois anos de contrato e estou muito feliz. Hoje temos que fazer isso tudo pela internet, todo mundo se adaptando, mas está sendo maravilhoso, estou recebendo cada mensagem, vídeo do torcedor, aqui revivendo esses gols”.

Completou falando sobre a emoção do anúncio: “Está sendo um dia muito marcante para mim, porque nós vamos poder reviver juntos esse momento desse título, anunciando a minha volta, eu só estou recebendo carinho. Tenho certeza de que vou dar a minha vida para poder retribuir novamente isso que recebo da nossa torcida tricolor”.

Fred destacou que a campanha de 2012 começou no ano anterior, quando o Fluminense fez um bom campeonato, mas não conseguiu o título. No entanto, garantiu vaga na Libertadores. E lembrou todas as sensações.

Começa a passar na cabeça todas as vitórias e dificuldades. Mas, por incrível que pareça, o que mais vem (à cabeça) depois desse título de 2012 foi a escapada que ficou em 2011. O 11 preparou a gente para ganhar esse 12. A gente deu valor a cada jogo, começou a passar um filme”.

Sobre a volta do futebol, Fred afirmou que concorda com a posição do mandatário do Fluminense. Segundo ele, antes do futebol vem a saúde das pessoas, mesmo que o esporte empregue muitas famílias. E lembrou que no clube há vários funcionários considerados do grupo de risco.

A gente está pedindo a Deus encontrar a solução desse problema, para as coisas acalmarem, diminuir o risco, esse número de mortes que tem acontecido, (diminuir o) aumento dessa doença para gente jogar um futebol seguro, assim como está acontecendo na Alemanha. A gente está acompanhando lá, que possa acontecer no tempo ideal e não coloque ninguém em risco, nem os familiares, nem a imprensa, nem jogadores, funcionários, enfim”, encerrou.

VAVEL Logo