Americanas e Amazon disputam patrocínio master do Flamengo
Foto: Divulgação/Flamengo

De acordo com o blog do jornalista Rodrigo Mattos, as Americanas entraram forte na disputa com a Amazon pelo patrocínio master do Flamengo. O grupo brasileiro, que é dono das Lojas Americanas e da plataforma AME, é o favorito para assumir o espaço da camisa rubro negra, deixado pelo Banco BS2.

A Amazon tinha um acordo de cerca de R$38 milhões em um ano para se tornar patrocinador do clube. O valor era praticamente o dobro do oferecido pelo BS2 no mesmo período. Porém, a pandemia de coronavírus mudou os rumos das negociações.

O grupo americano pediu para reavaliar os termos e fez uma nova proposta com uma redução de 30%. Com isso, o novo montante seria em torno de R$26,6 milhões, o que desagradou a diretoria carioca.

As Americanas, então, voltaram a negociar com o Flamengo. A empresa brasileira estaria disposta a oferecer um valor próximo a R$30 milhões para o clube carioca. O acordo poderia oferecer mais de um espaço na camisa. O Grupo Americanas estaria interessado em colocar as Lojas Americana e a plataforma de pagamentos online AME na camisa rubro negra.

Vale ressaltar que a Amazon e as Americanas são concorrentes no ramo do r-Commerce.  No cenário do coronavírus, ambas as empresas se valorizaram com o aumento da venda de produtos pela internet e o Flamengo se mostrou uma marca forte nas mídias digitais.

O Rubro-negro possui exposição cinco vezes maior que o River Plate e o Corinthians, segundo o blog do "PVC". Além disso, o Flamengo lidera a quantidade de engajamento de clubes desportivos na América e fica em quinto no mundo, de acordo com o site "Deportes&Finanzas".

VAVEL Logo