Morte de Thalles, jovem promessa do Vasco, completa um ano
Foto: Divulgação/Vasco

O dia 22 de junho não remete boas lembranças ao torcedor do Vasco. Há um ano, Thalles Penha morreu em um acidente de moto, na cidade de São Gonçalo. Vascaíno declarado, o jovem de 24 anos acumulou passagens pelas seleções de bases, surgiu despontando como um craque, um exímio centroavante. Porém a sua indisciplina e os problemas com a balança faziam com que a promessa não se tornasse realidade.

Em 2018,  o jogador assinou com o Albirex Niigata, do Japão. Por lá, realizou 41 jogos e marcou seis vezes. Ao voltar, declarou que estava com a cabeça no lugar e com vontade de dar a volta por cima.

No início do ano seguinte foi emprestado à Ponte Preta e vinha rendendo bem sob o comando de Jorginho. Entretanto, o destino quis que o jogador cruzmaltino que sempre honrava a camisa não tivesse a oportunidade de retornar e vencer pelo Vasco. A oportunidade tão sonhada de conquistar um título e se tornar ídolo do clube que torcia desde pequeno.

Thalles envergou a camisa por 157 vezes ao serviço do gigante da colina, acumulando 36 gols,deixando a lembrança em todos os corações dos torcedores. Conhecido como Balothalles será eternamente lembrado com grandíssimo carinho por todos, carinho tão grande quanto o que ele tinha ao vestir a camisa do Vasco.

Sempre será lembrado pelos fatídicos gols contra o Ceará no Maracanã, onde vai às lagrimas depois de estufar as redes. Mesmo não tendo se tornado ídolo no clube como sonhava, jamais será esquecido!

VAVEL Logo