Após 116 dias, Figueirense volta a campo em visita ao Juventus 
Foto: Patrick Floriani/Figueirense FC

Maior campeão catarinense, o Figueirense luta pelo 19º título nesta temporada. O próximo passo é superar o Juventus nas quartas de final. A bola vai rolar nesta quinta-feira (9), às 15h, no estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul. A VAVEL Brasil acompanha a partida em tempo real.

O Juventus jamais conquistou o Campeonato Catarinense, mas foi finalista em 1973 e 1976. Nesta temporada ele voltou à elite estadual e terminou a fase de classificação em sexto lugar, com 11 pontos. O Figueirense somou 15 e ficou em terceiro, atrás de Avaí e Brusque.

Figueirense e Juventus já se enfrentaram neste ano - em janeiro houve um empates sem gols no Estádio Orlando Scarpelli, palco do jogo de volta das quartas de final neste domingo (12) às 18h30.

Reforços devem ganhar espaço no Juventus

Emprestado pelo Avaí, o atacante Gustavo Poffo deve estrear com a camisa do Moleque Travesso. Além disso, a equipe também inscreveu para esta fase final os meio-campistas Allan Christian e Jean Felipe.

"Nenhum dos times fez jogo-treino, então estamos saindo do zero para dois jogos decisivos. É muito difícil, uma incógnita, mas espero que pelo que os atletas apresentaram nos treinos a gente possa ter um pouco mais tranquilidade para fazer dois bons jogos", analisou o experiente técnico Jorginho, ex-Palmeiras e Ponte Preta.

Provável escalação do Juventus: Hudson Jr; Marcos Moser, Rogélio, Felipe Gregório e Luiz Henrique; Mikael, Allan Christian e Marllon; Geovane Itinga, Pablo e Gustavo Poffo.

Figueira viajou confiante

o Figueirense contratou seis jogadores, mas nenhum deles deve começar jogando. Os reforços são o goleiro Jonas, os zagueiros Victor Oliveira e Dener Machado, o meio-campista Heryck, os atacantes Keké e Gabriel Lima.

O Figueirense terminou a primeira fase com a melhor defesa do campeonato - apenas cinco gols sofridos em nove jogos. O técnico Márcio Coelho manteve o mistério da escalação e aprovou a nova regra que permite cinco substituições. 

"A falta de ritmo de jogo é a principal preocupação, mas nos preparamos bem tanto na parte física quanto tecnicamente. Com essa nova possibilidade das cinco alterações também construímos algumas situações para alternar durante a partida. A gente conseguiu ter um período para se ajustar, incluindo trabalho coletivos. A maior dificuldade é voltar em um mata-mata, onde não há tempo para errar. Respeitamos a equipe do Juventus, mas esperamos fazer um bom confronto e avançar à semifinal", completou Márcio Coelho.

Provável escalação do Figueirense: Sidão; Lucas, Alemão, Rony e Sanchez (Brunetti); Arouca, Elyeser e Guilherme (Marquinho); Vitor Feijão, Pedro Lucas e Diego Gonçalves.

VAVEL Logo