Odair Hellmann vê Fluminense superior: "Se tivesse que sair um vitorioso, seríamos nós"
Foto: Lucas Merçon/Fluminense F.C.

O Flamengo derrotou o Fluminense pelo placar de 2 a 1 neste domingo (12) pelo primeiro jogo da final do Campeonato Carioca. No Maracanã, os gols foram marcados por Pedro (marcando, novamente, contra o ex-clube) e Michael para o Rubro-Negro, enquanto Evanilson fez para o Tricolor. Mas a atuação tricolor agradou o técnico Odair Hellmann.

Destaque para o Fluminense, que voltou a criar muitas chances de gol, assim como na final da Taça Rio também contra o Flamengo, da qual saiu campeão. Porém, desta vez, parou nas defesas de Diego Alves. Já nos acréscimos, Gabriel Barbosa levou o segundo cartão amarelo e foi expulso por demorar a sair de campo em sua substituição. O atacante está fora do segundo jogo. Odair Hellmann, explicou parte da confusão que houve logo após o apito final.

"Dez substituições e três minutos (de acréscimo). Eu fui comentar isso, e houve um desrespeito de um membro da comissão técnico do Flamengo. Da mesma forma que me pediram respeito, eu falei que ele ia me respeitar, respeitar o Fluminense [...] O Fluminense foi melhor nos dois tempos. Tomamos os gols quando estávamos melhores. Tomamos o segundo num contra-ataque a partir de uma bola parada."

O comandante tricolor também elogiou a equipe de Jorge Jesus, mas continuou enfatizando a superioridade do Fluminense e lamentou as chances desperdiçadas.

"Eles têm muita qualidade. Você não pode dar nenhuma oportunidade. No futebol, você tem que colocar a bola para dentro. Mas, na justiça do jogo, na minha visualização, o jogo deveria ser, no mínimo, um empate. Se tivesse que sair um vitorioso, seríamos nós. Até os 30 minutos do segundo tempo, criamos muitas oportunidades de gol, mas não convertemos. O futebol dá essas oportunidades para que você tenha menos chances de gol e seja mais efetivo. Isso mostra que estamos fazendo um grande campeonato, uma grande final. Quero parabenizar os jogadores pela postura, pela qualidade, pelo empenho. Não é fácil com essa sequência, mas o que eles têm feito, em termos físicos, é excepcional."

O segundo e decisivo confronto que vai consagrar o campeão do Campeonato Carioca de 2020 acontece nesta quarta-feira (15) às 21h também no Maracanã, desta vez com mando do time da Gávea. O Fluminense, agora, precisa da vitória para ir em busca do título da competição.

VAVEL Logo