Em má fase no Pernambucano, Sport tem quadrangular de rebaixamento pela frente
Foto: Divulgação/Sport Club do Recife

A saga continua! Campeão do Campeonato Pernambucano do ano passado, o Sport Club do Recife passa por um de seus piores dramas da história neste 2020. Ficar em sétimo lugar na primeira fase do Estadual, somando apenas 11 pontos em nove jogos, o Leão corre sério risco de ser rebaixado à segunda divisão do futebol pernambucano.

Na primeira fase, o Leão da Ilha conseguiu só duas vitórias, perdeu duas vezes e empatou cinco jogos. Ou seja, para um time que é atual campeão estadual e está de volta à Série A do Brasileirão 2020 ter apenas 11 pontos em nove rodadas é, no mínimo, decepcionante. E perder o clássico por 2 a 1 contra o Santa Cruz no último domingo (19) selou a vaga do Sport no quadrangular de rebaixamento, ao lado de Petrolina, Decisão e Vitória-PE.

E agora, Sport?

No quadrangular de rebaixamento, os quatro times se enfrentam entre si. É uma coisa simples: em turno único, os dois primeiros que somarem mais pontos escapam da queda, já os dois últimos são rebaixados à segunda divisão. 

O Leão, treinado por Daniel Paulista, precisa ficar entre o primeiro e segundo colocado para não ser rebaixado e dar mais motivos para a brincadeira intensa de seus rivais. E todo esse desespero começa a partir de 26 de julho, quando está marcada a primeira rodada do quadrangular. 29 de julho e 2 de agosto têm a segunda e terceira rodada, respectivamente, da "repescagem".

VAVEL Logo