Com dívida pela contratação de Soteldo, Santos pode sofrer nova punição da Fifa
Foto:divulgação /Ivan Storti/Santos FC

O Santos pode sofrer mais uma punição na Fifa.O Huachipato, do Chile, cobra que seja aplicada mais uma punição de contratação de novos jogadores ao Alvinegro Praiano, já que o clube não pagou os US$ 3,4 milhões pela venda do atacante Yeferson Soteldo.

De acordo com o advogado Eduardo Carlezzo, que representa o Huachipato no caso, o Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) ratificou a decisão da Fifa que obriga o Peixe a pagar a dívida. Além disso, definiu que em caso de não pagamento pode levar O Santos a ficar proibido de contratar por até três janelas de transferências.

"Além da condenação financeira, a decisão também declara que o não pagamento levará o clube a ser proibido de contratar novos jogadores pelo prazos de até três janelas de transferência. Como não houve o pagamento da dívida no prazo fixado, solicitamos à Fifa que implemente a punição de proibir o clube de contratar novos jogadores", declara Carlezzo.

Vale destacar que a relação entre Santos e Huachipato não é das melhores desde a tentativa do Atlético-MG de contratar Soteldo, no início deste ano. O Galo fez proposta de R$ 51 milhões para comprar o atacante, e o clube chileno insistiu na venda alegando que o Santos teria de comprar os outros 50%, caso não aceitasse a oferta.

O Peixe não aceitou a oferta e ainda renovou o contrato com o camisa 10.

VAVEL Logo