João Brigatti exalta força do elenco da Ponte Preta e condena protestos
Ponte Preta virou sobre Oeste (Álvaro Jr/Ponte Press/Divulgação)

A Ponte Preta, enfim, conseguiu a primeira vitória na Série B 2020. O triunfo veio contra o Oeste, de virada, nesta terça-feira (18), no estádio Osvaldo Teixeira Duarte, popularmente conhecido como Canindé. O 3 a 1 teve o elenco titular da Macaca muito mexido, com cinco novidades. João Brigatti, técnico campineiro, destacou a força do elenco em coletiva de imprensa após a peleja.

"Sabemos que não trabalhamos com máquinas, mas com seres-humanos. Deixei bem claro e registrado que, ao longo dos jogos, teríamos de revezar, rodar o elenco, para ter a produtividade que a gente quer. A Série B é difícil e desgastante, precisamos de jogadores com saúde, por isso esse rodízio. Passo que todos têm de estar aptos a entrar, vamos precisar de todos. Conseguimos resgatar hoje e mostrar o poderio do nosso elenco. Vamos rodar com cautela, sem loucuras, e procurar encaixar os melhores atletas para aquele momento", destacou Brigatti.

Luizão, Lazaroni, Bruno Reis, Vinicius Zanocelo e Matheus Peixoto ganharam espaço entre os titulares no duelo desta terça. Nem um dos cinco costuma entrar no onze inicial.

Protesto

O tumultuado protesto da torcida pontepretana, na última sexta-feira (14) também foi tema da coletiva de Brigatti. Ele condenou o ataque, que depredou o ônibus do clube e teve objetos arremessados em direção aos atletas.

"Eu disse aos jogadores que aquele bando que esteve lá não representa a torcida da Ponte de forma alguma. A torcida da Ponte não é aquilo, nem quero ficar dando ênfase. Nada, nem ninguém vai tirar o nosso foco, o foco desses jogadores de buscar o acesso. Temos um time experiente", finalizou o treinador.

VAVEL Logo