Confiança peca nas finalizações e perde para cirúrgico Cuiabá
Foto: Thiago Carvalho /  Cuiabá EC

Nesta terça (18), ás 21h30, Cuiabá e Confiança se enfrentaram na Arena Pantanal pela quarta rodada da Série B do Brasileirão 2020. Enquanto equipe cuiabana buscava vencer para entrar na zona de acesso para a Série A, os sergipanos buscavam a primeira vitória para sair da zona de rebaixamento da competição

Poder defensivo prevalece

Na primeira etapa do confronto, como de costume, o Confiança ficou bem postado atrás, com uma linha de quatro defensores, dois volantes, três meias e o centroavante na frente. Enquanto o Cuiabá jogou com a linha de quatro defensores, um volante, dois meias, dois jogadores no lado do campo e o atacante, com o famoso 4-3-3. 

Os donos da casa por característica de jogo buscaram mais o ataque, mas a estratégia que levou vantagem na primeira parte do jogo foi a do time azulino. A boa compactação, fechando bem os espaços e partindo no contra-ataque permitiu que o Dragão do Bairro Industrial criasse algumas oportunidades. 

Logo aos 5', Thiago Ennes cobrou falta para a área e Reis finalizou para defesa de João Carlos. A única chegada com perigo do Cuiabá foi aos 15' em finalização de longe de Auremir, que passou perto da trave de Rafael Santos. 

O Confiança utilizou bastante o atacante Reis. Baixinho e veloz pelo lado do campo, o camisa sete foi o responsável por ir para cima dos marcadores, visto que Rafael Vila, que é um volante, jogou improvisado pelo lado direito de ataque. E foi com Reis que surgiu uma boa oportunidade para o time azulino. Aos 21' ele tocou em profundidade para André Moritz, que invadiu a área e cruzou para ninguém, desperdiçando boa chance.

Depois disso, o cenário foi o esperado antes da partida, com o time sergipano aguardando o erro do adversário e o Dourado tentando furar a barreira defensiva. Matheus Mancini e Nirley fizeram bom primeiro tempo, cortando todas as tentativas de cruzamento do adversário, principalmente com Felipe Marques.

Foi com essa estratégia que o Confiança criou boa chance em contra-ataque. Aos 36' Reis partiu em velocidade, tocou para Bruno Paraíba, que acionou André Moritz. O meia avançou, pedalou e deu bom passe para Rafael Vila, que cortou para dentro e finalizou mal de canhota. Com 41' a melhor chance da partida, e foi dos visitantes mais uma vez. Nirley deu chutão para o campo de ataque, a defesa vacilou e Reis saiu cara a cara com João Carlos, mas o camisa sete acabou tirando demais do goleiro e perdeu grande chance de abrir o placar.

Essa foi a tônica da primeira etapa. Boa postura e marcação do Confiança prevalecendo sobre as tentativas de ataque do Cuiabá, que contou apenas com a vontade de Felipe Marques para buscar algo na partida.

Bola parada resolve e falta de criatividade domina a segunda parte

Na volta para a segunda etapa, o panorama seguiu o mesmo. Os visitantes marcando muito e os mandantes tentando criar. E não demorou para sair o gol do Dourado. Aos 10' Elvis cobrou falta para a área e Anderson Conceição subiu muito para cabecear, a bola bateu no travessão, passou da linha e depois saiu. 1-0 para os donos da casa.

O time azulino não demorou a dar uma resposta perigosa e aos 14' Renan Gorne partiu para cima da marcação e bateu colocado tirando tinta da trave do goleiro João Carlos. Após os dois lances, a qualidade técnica do jogo caiu e as chances de gol ficaram escassas.

Outra chance perigosa só surgiu aos 33' por parte do Confiança após Reis partir para cima da marcação e finalizar para fora. Com o revés no placar o técnico Matheus Costa partiu para cima, colocando Ítalo Melo, Ari Moura e Jeferson Lima. Nos primeiros minutos surtiu efeito, mas o time azulino esbarrou na falta de repertório ofensivo, visto que se sente confortável em ser atacado e apostar apenas nos contra-ataques.

No final da partida o Cuiabá ainda perdeu chance clara com Felipe Ferreira, aos 48' após passe de Felipe Marques o camisa 17 furou a finalização sozinho na pequena área. 

Classificação e próximo confronto

Com a vitória, o time cuiabano entrou no G4 da competição, encostando em Operário e Paraná, mas com um jogo a menos que os dois adversários. Por outro lado, o time sergipano segue sem vencer na Série B, com um empate e duas derrotas.

Na próxima rodada o Cuiabá vai enfrentar o Avaí, sábado (22), na Ressacada, às 11h, enquanto o Confiança enfrentar o Cruzeiro, domingo (23), na Arena Batistão, às 18h. Antes disso o Dragão do Bairro Industrial vai entrar em campo pelo Campeonato Sergipano, sexta (21), às 17h, diante do Itabaiana, pela última rodada do quadrangular final. Em caso de empate ou vitória a equipe conquista o título estadual.

VAVEL Logo