Com dois de Rafael Gava, Cuiabá vence fora de casa e aumenta pressão no Avaí
Foto: Divulgação/CBF

Em mais uma atuação decepcionante, o Avaí foi derrotado pelo Cuiabá por 2 a 0, na Ressacada, e perdeu a terceira seguida na temporada. Rafael Gava marcou os dois do jogo pela quinta rodada da Série B, em Florianópolis, neste sábado (22). O resultado leva o time mato-grossense para a vice-liderança.

Com menos mudanças do que se esperava, o Avaí repetiu os mesmos problemas de criação da última partida. O time da casa teve mais posse de bola - 58% -, mas o Cuiabá teve mais chances e pressionou em vários momentos, aproveitando a lentidão do meio-capo azurra. No total, o Dourado finalizou sete vezes, contra quatro do Leão, e teve três a um em chutes certos, além de cinco a zero em escanteios.

As primeiras chances vieram em sequência, em jogada de Capa pela esquerda para o Avaí, e depois em chute de Jenison, para o Cuiabá. Depois disso, o Dourado teve seu melhor momento do jogo, rondando a área do Leão em vários momentos e tendo bastante espaço para trabalhar.

Aos 14, o Avaí chegou após ótimo lançamento de Pedro Castro. Capa recebeu com espaço e cruzou para trás. A bola bateu em Everton Sena e quase enganou o goleiro, que segurou em dois tempos. Dois minutos depois, em contra-ataque rápido, Felipe Marques fez jogada individual, ganhou de Bruno Silva e finalizou direto para o gol, mas Frigeri espalmou. Aos 19, em cobrança de falta de longe, Élvis mandou no canto direito e o goleiro mandante caiu para espalmar.

Apesar da superioridade em volume, o Cuiabá não conseguiu converter o domínio em gols. Aos 38, o Avaí teve que fazer uma alteração por lesão - saída de Sallinas para entrada de Betão -, e, dois minutos depois, teve sua melhor oportunidade na partida. Após tabela com Capa, Gastón Rodríguez apareceu bem no meio da área e finalizou de primeira, mas em cima de João Carlos, que pegou em dois tempos.

O Avaí voltou com Lourenço na vaga de Iury na lateral-direito, mas o Leão continuou com muitas dificuldades para criar. O time até terminou o jogo com mais finalizações - 15 a 13 - e mais posse de bola - 60% -, mas o Cuiabá continuou mais perigoso.

Aos 13, em contra-ataque rápido, Felipe Marques atravessou para entrada da área, a bola desvia e sobrou limpara Rafael Gava, que bateu forte no canto e abriu o placar em Floripa: 1 a 0. Por pouco, o empate não veio aos 19. Após cruzamento de Lourenço, a bola desviou e sobrou com Bruno Silva, que dominou no peito e encheu o pé, mas parou no travessão.

O técnico Geninho fez alterações para aumentar o poder de fogo do time, colocando Vinícius Jaú, Jonathan e Tucão, mas sem muito sucesso. Aos 25, depois de saída errada do Cuiabá, Pedro Castro recebeu, prendeu e soltou para Jonathan, que arriscou da entrada da área, em cima de João Carlos.

Mesmo atrás do placar, o Dourado não sofreu grandes riscos, apesar de ter recuado por causa da vantagem, mas, conseguiu ampliar a vantagem aos 38. Em bola atravessada por Felipe Ferreira, Lourenço não tirou e Rafael Gava apareceu para dominar e chutar forte, vencendo Frigeri e fazendo 2 a 0.

No minuto seguinte, após bola ajeitada por Valdívia, a bola ficou viva dentro da área e sobrou para Vinícius Jaú, que girou batendo, mas parou em grande defesa de João Carlos. Por pouco, o Cuiabá ainda não aumentou a vantagem. Aos 45, Fabrício recebeu de Felipe Ferreira na entrada da área, finalizou forte e Frigeri caiu para evitar o terceiro.

Classificação e próximos compromissos

Invicto no ano, o Cuiabá ocupa no momento a vice-liderança, com dez pontos, mesma pontuação do Paraná. Já o Avaí ocupa no momento o 13º posto, com três pontos, mas ainda pode perder algumas posições até o fim da rodada.

O Avaí volta a campo na sexta-feira (28) para enfrentar o Oeste no Canindé, às 19h15. No mesmo dia, às 20h30, o Cuiabá joga em casa diante da Chapecoense.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo