Em alta no Fluminense, Evanilson recebe proposta do Crystal Palace 
Foto: Lucas Merçom/FFC

O atacante titular da equipe comandada pelo técnico Odair Hellmann, Evanilson, continua valorizado no mercado, e clubes da Europa monitoram a situação do jovem atleta de 20 anos. Depois do interesse do Manchester City, através de seus administradores, o City Football Group, e equipes ao redor do mundo, o centroavante tem outra proposta para deixar o Fluminense, e mudar-se a Inglaterra. Trata-se do Crystal Palace, equipe que desponta na Premier League, e que em 2018 contratou o goleiro Diego Cavalieri, após ter seu contrato não renovado com o tricolor.

+ Análise: por linhas tortas, Odair Hellmann tenta encontrar time ideal do Fluminense

Segundo apuração do Globo Esporte, o clube inglês já apresentou uma proposta formal, no qual o Fluminense já tem conhecimento — reportagem não divulgou números do valor da negociação. Com o fechamento da janela europeia entre Setembro e Outubro, a preocupação da diretoria tricolor, chefiada pelo presidente Mário Bittencourt é perder o atleta ainda este ano, antes do término do Campeonato Brasileiro.

O planejamento é vender Evanilson, mas com a condição de assegurar o atacante até o fim do Brasileirão 2020. Sendo assim, o site GE, informou que o Crystal Palace se encaixa nesse modelo de negociação emprestando o jogador de volta ao tricolor das laranjeiras por mais 6 meses, e colaborando com o projeto.

O camisa 99 pode ser vendido nos próximos dias, e caso isso se concretize, o Fluminense receberia uma porcentagem de pouco menos em 30% do valor. Isso ocorreria porque a Tombense, de Minas Gerais, é o clube pertencente do atleta, que emprestou ao tricolor, através de Eduardo Uram, empresário de Evanilson e um dos administradores majoritários do clube mineiro. Ou seja, o tricolor carioca detém 10% dos direitos econômicos e poderá ter mais 20% de taxa de vitrine, caso o atacante seja vendido até 2021, quando seu vínculo no time acaba. Enquanto isso, o Flu não pode aceitar ou recusar qualquer proposta.

O tricolor das laranjeiras, antes, possuía 60% dos direitos econômicos do atacante, que no ano passado não conseguiu entrar em um acordo de renovação entre jogador e clube, e acabou assinando um pré-contrato com a Tombense, gerenciado por um de seus representantes empresariais. Com isso, Evanilson voltou ao time carioca através de uma negociação por empréstimo.

Vice-artilheiro do Fluminense em 2020, com nove gols em 24 jogos, Evanilson chegou à base do clube em 2013, após ser descoberto no Estação, do Ceará. O atual camisa 99, começou a carreira como ponta, passou pelo Samorin, antigo projeto tricolor na Eslováquia, e foi revelado ao país no ano passado, quando se tornou artilheiro dos campeonatos Carioca e Brasileiro Sub-20. O cantroavante subiu ao profissional em 2019, e é peça importante na equipe do técnico Odair Hellmann.

Na última quarta-feira (2), o Fluminense ficou no empate com o Atlético-GO por 1 a 1, com gol de Evanilson, que será um dos desfalques para o técnico Odair Hellmann no próximo jogo, diante do São Paulo, domingo, no Morumbi. O atacante, levou o terceiro amarelo e cumprirá suspensão automática na próxima rodada. O tricolor é o quinto colocado no Campeonato Brasileiro, com 11 pontos.

VAVEL Logo