Guarani vence Operário-PR de virada e coloca Cruzeiro no Z-4 da Série B
Foto: José Tramontin / OFEC

Após cinco jogos sem vencer, o Guarani foi a Ponta Grossa no último sábado (5) e superou o Operário-PR, em jogo válido pela oitava rodada da Série B do Brasileirão. Junior Todinho marcou os dois gols do time paulista e Thomaz descontou.

Novidade na escalação para esta rodada, o centroavante Roger teve oportunidades para abrir o placar no início da partida, mas obteve mais sucesso quando saiu da área para criar jogada. Ele serviu Jean Carlo, que finalizou com perigo e obrigou o goleiro a espalmar para o lado. A defesa não afastou e a bola sobrou nos pés de Thomaz, que chutou forte para fazer 1 a 0 aos 24 minutos de jogo.

A reação do Guarani veio ainda no primeiro tempo, aos 41 minutos, com Junior Todinho. Antes disso, o time paulista tentou com Lucas Crispim e Murilo Rangel. O gol saiu após um erro da defesa rival e uma bola trabalhada entre Rangel, Eduardo Person, que foi à linha de fundo e cruzou, e Todinho, que estava livre dentro da área para empatar.

A primeira etapa terminou com 15 finalizações, sendo nove do Operário-PR, e boas intervenções do goleiro Rafael Pin, do Guarani, uma delas em cabeçada de Sosa.

Camisa 10 do Guarani, Lucas Crispim sentiu dores musculares e nem voltou para o segundo tempo. Quem entrou foi Bruno Sávio, que finalizou duas vezes e ainda fez o cruzamento que resultou no gol da vitória.

Na volta do intervalo...

Aos quatro minutos, Sávio mandou a bola na cabeça de Todinho, que subiu no meio de dois jogadores do Operário-PR e testou para baixo: 2 a 1. Este foi o terceiro gol de Junior Todinho na Série B, o artilheiro do Guarani na competição. 

A partida continuou movimentada no segundo tempo, Murilo Rangel e o próprio Bruno Sávio também finalizaram, sendo que o último obrigou o goleiro Rodrigo Viana a evitar o gol com a ponta dos dedos. Do outro lado o time da casa também tentou o empate com Roger e Tomas Bastos, principalmente, mas o placar no Estádio Germano Krüger terminou 2 a 1.

Como ficam?

Com a vitória o Guarani chegou a sete pontos e deixou temporariamente a zona de rebaixamento. Quem está no Z4 é o Cruzeiro, que precisa pelo menos empatar contra o CRB na segunda-feira (7) para subir na tabela. Já o Operário perdeu a chance de entrar no G4, estacionou nos 12 pontos e aparece em oitavo lugar, mas pode ser ultrapassado pelo Avaí, que assume a vaga se neste domingo (6) vencer a Chapecoense na Arena Condá.

O Operário-PR volta a campo no sábado (12), quando vai ao Maranhão enfrentar o Sampaio Corrêa, que também está na zona de rebaixamento. No mesmo dia, o Guarani recebe o Brasil de Pelotas no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas.

VAVEL Logo