Volante do Flamengo, Piris da Motta pede salário de R$ 300 mil e Fortaleza desiste da negociação
Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

O volante paraguaio Piris da Motta , de 26 anos, está cada vez mais sem espaço no elenco do Flamengo. Mesmo com a troca de técnico, o jogador perde na disputa com Willian Arão, Gerson, Diego Ribas e Thiago Maia por uma vaga no meio de campo ou até mesmo na primeira opção no banco de reservas. Dessa forma, o clube está de portas abertas para negociá-lo, e o Fortaleza já entrou em contato.

De acordo com o jornalista e setorista do Flamengo Cahê Mota, o Fortaleza conversou com o Flamengo para ver os termos da negociação com o paraguaio, mas os valores, por parte do atleta, assustaram o time nordestino: pedida salarial de R$ 300 mil, considerada muito alta para os cofres do Leão do Pici.

Ainda segundo informações do jornalista, a equipe treinada por Rogério Ceni tentou negociar para que os clubes dividissem o valor do salário de Piris da Motta. No entanto, as conversas com esses moldes de divisão não avançaram e o Fortaleza desistiu da contratação.

Negociações avançadas com clube turco

Se no Brasil nenhum time conseguiu arcar com as pedidas do jogador paraguaio, o empresário dele achou o Gençlerbirliği SK, clube da Turquia que conversa com o atleta e Flamengo para tê-lo por empréstimo. Mas ainda não há nada de oficial.

VAVEL Logo