Clássico das Multidões: Fluminense e Flamengo fazem duelo direto pelo G-4
Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Em um dos clássicos mais charmosos do Brasil, Fluminense e Flamengo se enfrentam pela nona rodada do Brasileirão, no Maracanã, às 21h30, desta quarta-feira (9). O retrospecto do Fla-Flu é favorável ao rubro negro, que venceu 127 dos 347 clássicos. O último encontro entre as equipes foi na final do Campeonato Carioca desse ano e o Flamengo levou a taça ao derrotar o Fluminense por 1 a 0, com gol de Vitinho.

Fluminense quer retomar boa fase 

Foto: Lucas Merçon / Fluminense FC
Foto: Lucas Merçon / Fluminense FC

Depois de perder a invencibilidade de quatro partidas na última rodada, o tricolor carioca busca virar a chave em cima do rival. A equipe de Odair Hellmann está na oitava posição com 11 pontos, três atrás do G-4. O clube das Laranjeiras vinha de bons resultados, porém sofreu dois tropeços no empate com o Atlético Goianiense e na derrota para o São Paulo. Além disso, a torcida sofreu outro baque: a venda do atacante Evanilson para o Porto. 

O atacante Wellington Silva concedeu entrevista na última terça-feira (8) e falou sobre as expectativas para o clássico. Apesar da queda de rendimento, o camisa 17 acredita que o Fluminense pode melhorar para a partida de hoje à noite.

"É mais um clássico, jogo muito importante, rivalidade muito grande e a gente espera fazer um bom jogo. A gente sabe da dificuldade, sabe quem vem de dois jogos que não consegue a vitória, mas tem que pensar sempre na frente, pensar sempre no próximo adversário.É um clássico, a gente precisa desse jogo para voltar a ganhar, ganhar moral, fazer os três pontos e dar alegria nossa torcida que quer sempre estar ganhando e a gente espera melhorar e quarta-feira fazer um grande jogo", afirmou o jogador.

Odair Hellmann conta apenas com Fred como centroavante de ofício. O camisa nove estava afastado preventivamente, após sua esposa testa positivo para COVID-19. O outro atacante Pablo Dyego está lesionado. Completando a lista de desfalque, Muriel está fora, também por lesão.

Provável equipe: Marcos Felipe; Calegari, Nino, Luccas Claro e Egídio; Yuri, Dodi e Michel Araújo; Nenê, Marcos Paulo e Wellington Silva.

Flamengo segue em busca da liderança

Foto: Alexandre Vidal / CR Flamengo
Foto: Alexandre Vidal / CR Flamengo

Após derrotar o Fortaleza na última rodada, o rubro negro chegou a terceira vitória seguida. A equipe de Domènec Torrent está na quinta colocação com 14 pontos, três atrás do líder Internacional.

O Flamengo conta com as últimas boas atuações para derrotar o Fluminense. Além disso, o rubro negro tem um tabu a seu favor: o time não perde para o tricolor desde 2016 em partidas do Brasileirão. Apesar dos últimos bons resultados, a semana foi de polêmica no noticiário rubro-negro. O motivo? O rodízio implantado pelo treinador catalão.

No entanto, essa técnica é adotada em todos os trabalhos de Pep Guardiola, com quem Dome trabalhou por 10 anos. Confira abaixo uma fala do preparador físico da comissão do atual treinador do Manchester City, em sua autobiografia Guardiola – Confidencia.

“Como todos os times grandes, o Bayern joga uma partida a cada três dias, e isso influi demais no planejamento da preparação. Estudos médicos feitos na Itália demonstram que a recuperação após cada partida depende da alimentação do atleta. Assim, no terceiro dia após o jogo, quando se alimentou bem, o jogador recuperou 80 por cento do glicogênio dos músculos. Somente 80 por cento! Imagine se ele se alimentou mal… E depois de quatro jogos consecutivos em ciclos de três dias, o risco de lesão aumenta 60 por cento.”

Desde que chegou ao Flamengo, Domènec utilizou 26 jogadores do elenco rubro-negro. Para o clássico de hoje, o catalão não poderá contar com os goleiros Diego Alves e César, ambos com COVID-19. Além dos lesionados João Lucas e Bruno Henrique.

Provável equipe: Gabriel Batista; Isla, Rodrigo Caio, Léo Pereira e Filipe Luís; Gerson, Thiago Maia, Éverton Ribeiro e Arrascaeta; Gabriel e Pedro (Michael).

VAVEL Logo