Com a força da bola parada, Chapecoense bate Brusque e fica perto do título catarinense
Foto: Márcio Cunha/ACF

Seis vezes campeã estadual, a Chapecoense está perto de aumentar a lista de troféus. Nesta quarta-feira (9), a equipe comandada por Umberto Louzer ganhou do Brusque por 2 a 0 no primeiro jogo da decisão do Campeonato Catarinense, na Arena Condá.

Os times voltam a se encontrar no domingo (13) no Estádio Augusto Bauer, em Brusque, e os mandantes precisam vencer por pelo menos dois gols de diferença para levar o jogo para os pênaltis. Ou seja, a Chapecoense será campeã até se perder pelo placar mínimo.

Umberto Louzer escalou a Chapecoense com três mudanças, uma em cada setor da equipe - Alan Ruschel na lateral, Denner no meio e Anselmo Ramon na frente. Do outro lado, Fabinho ganhou a vaga de Johnny no ataque. Artilheiro do Catarinense, Edu desfalca o time de Jerson Testoni porque recupera-se de cirurgia no joelho. 

A Chapecoense começou o jogo a todo vapor, fez o goleiro do Brusque trabalhar duas vezes com quatro finalizações nos primeiros 15 minutos, em tentativas de Denner e Anselmo Ramon. Em uma delas, Zé Carlos evitou o gol com a perna. 

A pressão deu resultado aos 20 minutos, após cobrança de falta que a defesa do Brusque tentou afastar mas a bola sobrou nos pés de Luiz Otávio, que abriu o placar.

O Brusque respondeu com Thiago Alagoano, aos 29 em falta defendida por João Ricardo e aos 41, em chute de Rafael Potiguar que saiu pela linha de fundo. Artilheiro da Chapecoense em 2020, Aylon teve a chance de ampliar mas também chutou para fora.

Mesmo sem alterações, o Brusque voltou melhor do intervalo e finalizou com perigo com Alex Sandro e Thiago Alagoano. A Chapecoense tentou em mais uma cabeçada de Luiz Otávio, mas foi o outro zagueiro que balançou a rede na etapa final. Aos 28, Joílson desviou de cabeça uma falta cobrada por Paulinho Moccelin e fez o segundo da Chapecoense.

Apesar das quatro substituições no segundo tempo, o Brusque não conseguiu incomodar João Ricardo e saiu de campo com a derrota por 2 a 0.

VAVEL Logo