Jorginho lamenta gol sofrido no primeiro tempo e falta de criatividade do Coritiba no clássico
Foto: Divulgação/Coritiba

O Coritiba foi derrotado por 1 a 0 pelo Athletico-PR na Arena da Baixada, no fim de tarde que marcou o início da décima rodada do Campeonato Brasileiro. Fora de casa, o Coxa não conseguiu fazer uma boa partida e chegou ao seu quarto jogo sem vitória. Assim, o técnico Jorginho lamentou o gol sofrido no início da partida e destacou a dificuldade na criação das jogadas.

"Levar gol no início atrapalha muito no planejamento. Não fizemos um bom primeiro tempo. E os jogadores do Athletico estavam fazendo muitas faltas, principalmente quando a gente tentava jogar e isso estava dificultando", comentou o treinador em entrevista coletiva após o jogo.

A falta de criatividade nas jogadas do Coxa eram visíveis, por isso no segundo tempo, Jorginho colocou Natanael e Giovanni ainda no intervalo. O time melhorou um pouco, com Robson acertando o travessão em um cruzamento, e Sassá chutando para fora após boa jogada de Robson.

Mas aos 26 minutos, o atacante Igor Jesus foi expulso ao acertar Thiago Heleno em uma disputa aérea. Ele já havia recebido o cartão amarelo no primeiro tempo ao também atingir Márcio Azevedo quando foi proteger a bola.

"A gente estava tendo muita dificuldade de criação e Giovanni deu esse toque quando entrou, mas se machucou antes da expulsão. Eles não tiveram um grande controle absoluto da partida e sabemos quanto é difícil jogar em uma grama sintética", apontou.

Situação complicada

Com mais um revés o Coritiba ocupa a 18ª posição na tabela de classificação, com apenas oito pontos somados, aumentando ainda mais a crise no time paranense. Em cinco jogos o Alviverde conquistou apenas uma vitória (contra o Sport), sofreu duas derrotas (Atlético-MG e Athletico) e ainda teve dois empates no Brasileirão (Botafogo e Goiás).

"É trabalho, não existe outra forma. É levantar a cabeça, botar os jogadores com foco. Não adianta ficar reclamando. Nós vamos sair dessa zona de rebaixamento com toda certeza", completou o treinador.

O Coritiba volta a campo somente no próximo domingo (20), diante do Goiás, às 16h, no Couto Pereira em partida válida pela 11ª rodada do Brasileirão.

VAVEL Logo