Grêmio sai atrás contra Fortaleza, mas consegue empate após pênalti
Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Após vencer o Bahia durante a semana, o Grêmio perdeu a chance de engrenar no Brasileirão ao empatar em 1 a 1 com o Fortaleza neste domingo (13) em Porto Alegre.

Ao contrário da estratégia usada em ocasiões anteriores, Renato Portaluppi escalou força máxima mesmo nas vésperas do retorno da Libertadores. As novidades no time titular do Grêmio foram as voltas de Geromel, que cumpriu suspensão diante do Bahia, e Maicon, recuperado de dores musculares. 

Sem Tinga, lesionado, nem Felipe, suspenso, Rogério Ceni montou o Fortaleza com Gabriel Dias na lateral direita e Ronald no meio de campo. 

Jogando na Arena do Grêmio, o tricolor gaúcho dominou as ações durante os noventa minutos, buscando o gol desde o início e finalizou 14 vezes. Apesar de jogar com quatro atacantes, o time cearense conclui apenas três finalizações, todas no primeiro tempo.

Enquanto isso, o time cearense atacava principalmente pelo lado esquerdo, aproveitando espaços cedidos por Orejuela. O gol saiu justamente daquele lado, quando Osvaldo tentou cruzar e a bola encobriu o goleiro do Grêmio. Este foi o primeiro gol dele no Brasileirão.

A postura dos mandantes não mudou após o gol sofrido. O time encontrou dificuldades em criar jogadas, mas a defesa do Fortaleza conseguia cortar as bolas alçadas na área e apertava na marcação para evitar as investidas pelo meio. Alisson, aos 29, e Robinho, aos 47, tiveram chances para empatar mas o Fortaleza foi para o vestiário com a vitória parcial.

Ainda no primeiro tempo Renato foi obrigado a sacar Maicon, que voltou a sentir dores e será submetido a exames para saber se tem condições de enfrentar a Universidad Católica.

Mudanças no segundo tempo

O Grêmio voltou do intervalo com Luiz Fernando na vaga de Isaque. O ex-jogador do Botafogo ficou em campo por apenas 25 minutos, visto que discutiu com o lateral Gabriel Dias, do Fortaleza, e ambos foram expulsos. 

Antes da confusão o Grêmio conseguiu empatar a partida. No lance, Quintero empurrou Éverton dentro da área e Diego Souza foi para a bola. O goleiro Felipe Alves pegou e Luiz Fernando marcou no rebote, mas a arbitragem mandou voltar após consulta ao VAR. O camisa 9 converteu a segunda chance com chute no meio do gol. A bola ainda tocou no camisa 12 do Fortaleza antes de entrar.

Orejuela chegou a balançar a rede no final da partida, mas outra vez o gol foi anulado, desta vez por impedimento. Mesmo com seis minutos de acréscimos, o time cearense não conseguiu concluir nenhuma vez na etapa final e o placar terminou 1 a 1.

Classificação e próximos jogos

Mesmo com apenas uma derrota em nove jogos, o Grêmio soma apenas 12 pontos porque é o clube que mais empatou na competição - seis vezes. O Fortaleza tem a mesma pontuação do tricolor gaúcho, mas já disputou 10 partidas. 

Como volta aos gramados apenas no sábado (19), o Fortaleza terá a semana inteira para pensar no Internacional, que atualmente lidera o campeonato e terá menos dias de descanso, visto que joga pela Libertadores na quarta-feira (16) contra o América de Cali em Porto Alegre.

Quem está no mesmo grupo de Internacional e América de Cali é o Grêmio, que na quarta (16) vai ao Chile para enfrentar a Universidad Católica.

VAVEL Logo