VP do Flamengo, Marcos Braz convoca coletiva para falar sobre Domènec Torrent
Foto: Alexandre Vidal/ C.R. Flamengo

Depois de sofrer o maior revés na história da Libertadores, o Flamengo terá de lidar com o aumento significativo da reprovação dos torcedores e parte dos dirigentes, com Domènec Torrent. Vice-Presidente de futebol do Flamengo, Marcos Braz confirma coletiva de imprensa amanhã (19), às 12h30, para falar sobre a situação do treinador catalão.

Segundo o jornalista Renan Moura, da rádio CBN, o Conselho Gestor do clube está em Quito. Ao que tudo indica, dirigentes do Rubro-Negro trabalharão hoje, internamente, sobre o rumo a ser levado para a sequência da temporada.

Há menos de dois meses no cargo, Torrent havia conseguido sua melhor sequência até então, com quatro vitórias consecutivas no Brasileiro. Depois de perder para o Ceará por 2 a 0, outra apática atuação flamenguista culminou na goleada por 5 a 0 para o Del Valle/EQU, na terceira rodada da Copa Libertadores.

Conflitos

Noticiado pelo jornal O Dia, Braz não quer intervenção em sua pasta, e defende a permanência de Torrent. Segundo apurado pelo O Globo, o VP teria colocado seu cargo em risco, caso o treinador seja sacrificado.

O descontentamento com Domènec parte de suas escolhas táticas e especialmente sua explicação pós goleada. "O resultado dói, mas são apenas 3 pontos", disse ontem em coletiva.

"Após o terceiro gol não se podia fazer mais nada. Fiz alterações que preservasse a condição física dos jogadores e realizei experimentos para a próxima partida".

A expectativa da coletiva de imprensa será a definição do futuro de Torrent. Na próxima quarta-feira (23) o time jogará em Guayaquil, contra o Barcelona, lanterna da chave A.

VAVEL Logo