Luxemburgo analisa empate do Palmeiras contra time misto do Flamengo: "Jogo difícil"
Foto: Divulgação/Palmeiras

Havia dúvidas se teria a realização de Palmeiras e Flamengo neste domingo (27), mas minutos antes do jogo ser iniciado, o Tribunal Superior do Trabalho (TST) atendeu à solicitação da CBF para autorizar o andamento da partida no Allianz Parque, em jogo válido pela 12ª rodada do Brasileirão Série A. Com gols de Patrick de Paula e Pedro, o confronto terminou empatado em 1 a 1.

Em entrevista pós-jogo, o treinador Vanderlei Luxemburgo analisou, primeiramente, os últimos acontecimentos e lamentou a situação ocorrida com o clube carioca antes do duelo. 

“Você não tem aquela concentração que realmente tem que ter pro jogo, tanto é que nós entramos em campo e ainda ficamos lá dentro do campo esperando o adversário chegar, entrar fora do tempo normal, então isso tudo mexe com os jogadores. Uma pena que um jogo de duas grandes equipes, dois grandes clubes, que tenha acontecido tudo isso que aconteceu antes do jogo.”

Em seguida, reconheceu que o Palmeiras precisa melhorar o desempenho em campo e mencionou que sua equipe está buscando o crescimento para evoluir no Campeonato Brasileiro. 

“Estamos trabalhando forte e buscando o crescimento. Se você falar: ‘A equipe está jogando tudo o que você queria que jogasse?’. Não, temos espaço para crescer, isso que estamos buscando. Claro que, num Campeonato Brasileiro, você joga muito mais por vitória do que por empate. Nós temos empatando muito e isso está fazendo a diferença nos jogos em casa."

“As pessoas passaram o favoritismo pra nós hoje no jogo contra o Flamengo por causa do problema da Covid e tudo que foi criado antes. O Flamengo tem uma grande equipe com jogadores de alto nível, tem uma categoria de base forte. Sabíamos que o Flamengo viria jogar e não seria um jogo fácil. Foi um jogo difícil, tanto para nós quanto para eles. Nós tivemos algumas possibilidades, mas o goleiro deles fez duas grandes defesas. O jogo se apresentou e acabou tendo um resultado de um clássico, um empate que pode acontecer", complementou.

Luxemburgo afirmou que são válidas as críticas que o time vem recebendo: "A crítica procede, o time não está conseguindo render, mas os jogadores estão se empenhando para dar o melhor. Continuaremos trabalhando e buscando fazer o melhor, mas as críticas com relação ao nosso rendimento procedem."

Por fim, o comandante disse o que falta ao clube paulista para que volte a vencer no Allianz Parque. 

"O torcedor faz muita falta de você poder incentivar a equipe ou bem o jogador; uma série de coisas. O adversário vem aqui, se fecha e fica um jogo meio gelado. Essa é a grande verdade. Pra todo mundo, não somente para o Palmeiras. A pandemia fez com que, tirando os torcedores dos estádios, o jogo fique sem aquele calor humano que tem que ter um jogo de futebol."

Em busca das vitórias, o Palmeiras enfrentará o Bolívar na quarta-feira (30), às 19h15, pela Libertadores, enquanto pelo Brasileirão, irá encarar o Ceará no sábado (3), às 19h. Ambos os jogos serão realizados no Allianz Parque. 

VAVEL Logo