Camilinha reclama de atitude de quarto árbitro: "Machista"
Foto: CBF/Dvulgação

Na última quinta-feira (01), Grêmio e Palmeiras ficaram no 0 a 0 em duelo válido pelo Campeonato Brasileiro Feminino. No Passo d'Areia, porém, os holofotes não foram para o placar. Camilinha, meia palestrina, fez uma grave denúncia após a peleja. 

De acordo com a atleta, o quarto árbitro da partida, Eleno Gonzalez Todeschini, usou da autoridade para a peleja para desrespeitar as jogadores de forma machista. Em entrevista à CBF TV após o cotejo, ela verbalizou toda a reclamação:

Outras polêmicas

Em 2014, após Grêmio x São Paulo, válido pelo Campeonato Gaúcho daquele ano, muitos jogadores reclamaram da atitude do mesmo profissional. De acordo com Rhodolfo, então zagueiro gremista, "Ele veio gritando, disse que quem mandava era ele. Ele parecia meio nervoso", destacou.

VAVEL Logo