O foco é vencer! Botafogo busca recuperação no Brasileirão diante do Fluminense
Foto: Mailson Santana/Fluminense

A manhã de domingo (4), começa agitada já com o clássico carioca entre Botafogo e Fluminense, às 11h(de Brasília), no Estádio Nilton Santos, pela 13ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. As equipes vem em momentos distintos dentro da competição. O Glorioso vive um momento turbulento, está na zona de rebaixamento, demitiu o treinador, Paulo Autuori e efetivou o auxiliar, Bruno Lazaroni. Já o Tricolor Carioca vem de uma vitória convincente na última rodada e espera embalar uma boa sequência.

Você acompanha Botafogo x Fluminense AO VIVO e em tempo real aqui, na tela da VAVEL Brasil.

Só a vitória importa!

A fase do Botafogo no Campeonato Brasileiro não é das melhores. O Alvinegro tem apenas uma vitória nos últimos 12 jogos e ocupa a penúltima posição na tabela de classificação, com 11 pontos e após a derrota por 2 a 1 para o Bahia, na última quarta-feira(30), a diretoria resolveu demitir o técnico Paulo Autuori, quem assumiu foi o auxiliar Bruno Lazaroni.

Para a partida diante do Fluminense, Lazaroni não poderá contar com o goleiro Gatito Fernández, com um endema ósseo no joelho disso. Ele inclusive foi convocado para a seleção paraguaia e mesmo lesionado viajará para encontrar a delegação de seu país.

O treinador também terá outros problemas. Honda e Bruno Nazário ainda se recuperam de dores no tornozelo e não serão relacionados para a partida deste domingo. A notícia boa fica por conta da volta de Marcelo Benevenuto. O zagueiro voltou a treinar com o elenco na última sexta-feira (2), e está liberado para o clássico. Bruno Lazaroni sabe, no entanto, que precisa de resultados com a máxima urgência e que o clássico ganhou ares de fina.

"A gente precisa ter resultado a curto prazo. Até por causa de uma possível continuidade. Mais do que nunca a nossa intenção é passar confiança aos atletas e conversar com eles. Não tem muito tempo para treinar. Vamos tentar fazer os ajustes que já vinham sendo feitos pelo Paulo Autuori e contar com a colaboração dos atletas para a gente sair, em um primeiro momento dessa zona de confusão." 

Provável escalação do Botafogo: Cava; Kelvin, Marcelo, Kanu e Victor Luís; Caio Alexandre, Renteria (Foster) e Honda; Rhuan (Pedro Raul), Kalou e Babi Técnico: Bruno Lazaroni.

Fluminense busca embalar no Brasileirão

Irregular no Brasileirão, mas na parte de cima da tabela, o Fluminense vem embalado para o clássico diante do Botafogo, após a vitória por 4 a 0 diante do Coritiba na última segunda-feira(28). A equipe ocupa a sétima posição na tabela, com 17 pontos.

O Tricolor Carioca ainda não sabe o que é perder para o rival nesta temporada, já são quatro clássicos vovô, com duas vitórias do Flu e dois empates.

Mas o técnico Odair Hellmann terá nada mais, nada menos do que 13 desfalques para o jogo deste domingo, sendo dez por conta do surto de Covid-19 no elenco. Sendo assim, a equipe terá poucas opções e um time titular novamente remendado. O treinador poderá dar uma chance a Fernando Pacheco na vaga de Weligton Silva.

Para sair com um bom resultado, o Fluminense confia no retrospecto de Fred, que tem o Botafogo como a sua maior vítima. O camisa 9 já marcou 14 gols sobre o Alvinegro vestindo a camisa tricolor. Mas apesar do bom retrospecto, caso faça gol neste domingo, Fred quebrará um longo "jejum": seu último gol contra o Botafogo foi há quase quatro anos: em 16 de outubro de 2016, quando ainda defendia o Atlético-MG. O zagueiro Matheus Ferraz falou sobre o clássico contra o Botafogo

"Clássico é clássico. Sabemos que muita coisa pode acontecer, independentemente de o time (adversário) vem vivendo um mal momento. No clássico, existe aquela superação, concentração a mais. Tentaremos nos favorecer disso. Sabemos que a nossa equipe tem rendido bem. A nossa intensidade tem sido boa, todos se ajudam, correm muito bem. Temos de manter essa atitude, pois clássico é dessa forma. Com certeza, eles farão da mesma forma do lado de lá para nos superar."

Provável escalação do Fluminense: Muriel, Igor Julião, Nino, Matheus Ferraz e Danilo Barcelos; Hudson, Dodi, Michel Araújo e Nenê; Fernando Pacheco e Fred. Técnico: Odair Hellmann.

VAVEL Logo