Goiás sucumbe à pressão do Flamengo, perde nos acréscimos e segue na lanterna
Foto: Jorge Rodrigues/AGIF

Quem esperava um jogo fácil do terceiro colocado do Brasileirão, Flamengo, contra o lanterna, Goiás, se surpreendeu com o Verdão do Oeste. O clube Esmeraldino foi para o Maracanã com uma postura completamente defensiva, decidido a deixar o Flamengo a ficar com a bola e lutar pela "bola bandida" e fazer a festa no Rio de Janeiro.

E por um tempo conseguiu. Quando o Flamengo já dominava o jogo, aos 13 do primeiro tempo, Vinícius Lopes recebeu belo cruzamento e bateu de primeira para abrir o placar para os visitantes. O empate era questão de tempo. O Goiás, que antes adotara uma postura defensiva, se trancou ainda mais e isso traduziu bem o que foi a partida. Se olhar o número de finalizações totais, a diferença é exorbitante: 31 do Rubro-Negro contra 7 do Esmeraldino.

O jovem goleiro Tadeu brilhou com um total de 10 defesas difíceis, mas não foi o suficiente. Aos 39 da primeira etapa, Pedro recebeu bom passe de Bruno Henrique e empatou para os donos da casa. Era questão de tempo até o massacre do Rubro-Negro se traduzir no gol da virada, mas demorou. O Flamengo pressionou, cruzou, finalizou, cabeceou, até que o ditado "água mole em pedra dura, tanto bate até que fura" fez valer seu nome no Maracanã. No último lance da partida, já nos acréscimos, Pedro aproveitou o rebote no chute de William Arão e virou a partida.

Pedro comemora o gol da virada no Maracanã. Foto: Jorge Rodrigues/AGIF

Ao Goiás, resta lamentar o ponto perdido. A sensação é mais amarga para o time que não conseguiu sequer um ponto nas últimas quatro partidas e é o lanterna do Campeonato Brasileiro, com 9 pontos. A rodada atrasada do Brasileirão serviu para consagrar ainda mais a boa fase do Flamengo, que colou no líder Atlético-MG com o mesmo número de pontos: 30.

Agora, o Esmeraldino volta suas atenções ao Bahia, adversário que encara na sexta-feira (16). Já o Flamengo, recebe o Red Bull Bragantino, na próxima quinta-feira (15), visando a liderança.

VAVEL Logo