Após pressão, Santos e Robinho anunciam suspensão de contrato
Foto: Ivan Storti/Santos FC

O Santos anunciou na noite desta sexta-feira (16), a suspensão de contrato com o atacante Robinho. O clube afirmou que chegou a um acordo com o jogador.

Após o site GloboEsporte.com divulgar uma série de conversas telefônicas transcritas usadas pela Justiça Italiana na condenação em primeira instância de Robinho e um amigo a nove anos de prisão por violência sexual de grupo contra uma jovem de origem albanesa. Torcedores e patrocinadores do clube como a Umbro e a Philco exigiram uma posição do Peixe e a rescisão do contrato do jogador.

O caso aconteceu no dia 22 de janeiro de 2013, em Milão. Os diálogos entre o atacante do Santos e Ricardo Falco, brasileiro também acusado do crime, foram cruciais no julgamento do caso. Neles, os dois conversam em detalhes sobre o estupro e indicam que Robinho tinha consciência de que a vítima estava em estado de extrema embriaguez.

Robinho usou as redes sociais para se manifestar. O atacante ainda afirmou que vai provar sua inocência.

Estou aqui com tristeza no coração para falar a vocês que tomei a decisão, junto ao presidente, de suspender o meu contrato diante desse momento conturbado da minha vida. Meu objetivo sempre foi ajudar o Santos. Se de alguma forma estou atrapalhando, melhor que eu saia e fique nas minhas coisas pessoais. Com certeza vou provar a minha inocência",  disse.

Veja o comunicado oficial do Santos

O Santos Futebol Clube e o atleta Robinho informam que, em comum acordo, resolveram suspender a validade do contrato formado no último dia 10 de outubro para que o jogador possa se concentrar exclusivamente na sua defesa no processo que corre na Itália".

 

VAVEL Logo