Vagner Mancini lamenta goleada sofrida pelo Corinthians e diz que faltou 'leitura de jogo'
Foto: Rodrigo Cocca/Corinthians

Na estreia de Vagner Mancini na Neo Química Arena, o Corinthians foi goleado por 5 a 1 pelo Flamengo, em partida válida pela 17ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, o treinador lamentou a forma como o Timão enfrentou um dos favoritos ao título na competição.

O Flamengo jogou de uma forma que nós sabíamos que poderia jogar, mas o Corinthians jogou de uma forma que nós sabíamos que poderia jogar, mas o Corinthians jogou de uma forma muito abaixo. Hoje é meu sexto dia no clube, não estou me isentando de nada, mas tem muita coisa ainda a ser feita ainda, as coisas deveriam andar de uma forma mais acelerada. Encontramos uma equipe muito ajustada, um time que tem a bola, velocidade, força física, tivemos dois tempos distintos, óbvio que estamos chateados pelo o que vimos, enfrentamos um time que ano passado foi campeão brasileiro e Libertadores então por si só merecia uma atenção, e o Corinthians ficou abaixo do que esperávamos", lamentou o treinador.

Até competimos, mas na maior parte do jogo foi abaixo do que queremos que seja. Quando se enfrenta uma equipe ajustada sem ser competitivo, você não consegue igualar. Eu sinceramente vi um Corinthians que poderia ajustar mais, marcar de perto, ser mais competitivo para diminuir a distância que todos sabemos que existe (entre os dois times)", analisou.

O treinador disse que faltou leitura tática de seu time parta entender o que vivia dentro de campo. 

"Vi coisas que chamaram atenção, o físico é uma delas, o tático também, faltam ajuste, as peças precisam se ajustar coletivamente, o futebol não é mais marcação individual, a partir dos momentos que todo mundo tem função dentro de campo, as linhas precisam se ajustar para não sofrer. Eu vi isso, um início equilibrado. Eu vi isso, um início equilibrado, mas no segundo tempo, em 10 minutos fomos liquidados com dois gols rapidamente de forma simples. Quando tomar um gol, o adversário tem que fazer com esforço, e não como eu vi (com facilidade)."

"O segundo tempo foi de uma equipe que quis atacar de forma desordenada, e isso chances ao adversárioÉ preciso ter maior leitura tática para que você perdendo de dois, três, não se lance à frente de forma irresponsável, tem que ter um setor defensivo ajustado também. Os ajustes terão que ter feitos mais rapidamente. Entre a primeira e essa partida vi coisas que precisam ser ajustadas no esquema e na parte tática também", afirmou.

Na 14ª posição, com 18 pontos, o Corinthians volta a campo na quarta-feira (21), diante do Vasco, em São Januário, às 21h30.

VAVEL Logo