Breno Lopes brilha, Juventude expõe defesa do Avaí e se aproxima do G-4
Foto: Arthur Dallegrave/EC Juventude 

Com autoridade, o Juventude quebrou a sequência de três jogos sem vencer nesta terça-feira (20). O Papo venceu confronto direto com o Avaí por 3 a 0 no Alfredo Jaconi, pela 17ª rodada da Série B. Breno Lopes, duas vezes, e Dalberto marcaram e garantiram a grande vitória jaconera em Caxias do Sul.

Novidades mal-sucedidas no Avaí

O Avaí, bastante desfalcado, veio escalado com três zagueiros pela primeira vez desde a segunda rodada e também com mudança no gol: Gledson entrou na vaga de Frigeri - e teve atuação bastante insegura, incluindo um lance bizarro em que quase largou uma bola para dentro do gol aos 29.

Do outro lado, o Juventude teve seu forte trio de ataque - Capixaba, Dalberto e Breno Lopes - bastante participativo e em boa forma na primeira etapa. O Avaí teve duas chances logo no começo, mas, ficou entre os cinco e os 43 minutos sem nenhuma chance clara.

Artilheiro brilha para o Juventude

Enquanto isso, o Juventude se aproveitou da troca de passes deficiente do Avaí no meio-campo e na velocidade de seu ataque para criar chances. No total, o Papo teve dez a seis em finalizações, cinco a um em chutes certos. Breno Lopes teve boas chances aos 20 e aos 23, sempre em jogadas de velocidade pelos lados.

Mal no jogo, Ralf falhou bastante no ataque e ainda foi decisivo em uma falha de desarme no lance do gol. Aos 34, Breno Lopes deixou o volante avaiano para trás , arrancou desde o campo de defesa e completou na saída do goleiro para fazer 1 a 0. Ele ainda teve outra chance quatro minutos depois, parando em Gledson.

Mesmo com 51% de posse de bola, o Avaí foi praticamente inócuo no campo de ataque. Com Valdívia pouco participativo, Pedro Castro foi o jogador que mais tentou, mas não teve a criatividade necessária para a criação das jogadas - ele cobrou falta perigosa de longe aos 43. Os alas, normalmente utilizados mais ofensivamente em esquemas com três zagueiros, apareceram pouco no campo de ataque, e o Leão foi para o intervalo atrás.

Juventude expõe problemas defensivos do Avaí e mata o jogo

Logo no início da segunda etapa, Geninho trocou Airton por Vinícius Jaú, reposicionou Ralf para a defesa para tentar aumentar o poder ofensivo do Avaí. Aos oito, Valdívia teve um lampejo em ótima conexão com Getúlio, que quase resultou em gol, mas, a desorganização do Leão foi fatal nos contra-ataques.

Aos nove, Renato Cajá recebeu pelo meio e conectou Breno Lopes, que tocou na saída de Gledson e fez 2 a 0, chegando a nove gols na Série B. Cinco minutos depois, foi a vez do artilheiro funcionar como garçom. Em mais um contra-ataque, ele recebeu pela esquerda e, com a defesa do Avaí bagunçada, virou para o outro lado, onde Dalberto apareceu para finalizar e sacramentar a vitória jaconera.

Com a vitória consolidade, o Papo só administrou. O Avaí fez as alterações tentando descontar o placar, terminou o jogo com quase 60% de posse de bola, mas acabou com sua sequência de três jogos de invencibilidade interrompida e deixou Caxias do Sul sob diversas dúvidas.

Classificação e próximos compromissos

A vitória deixa o Juventude empatado com a Ponte Preta, com 27 pontos, mas fora do G-4 pelo número de vitórias - oito a sete, e com a Macaca ainda com um jogo a menos. O Avaí para nos 23, e cai para o oitavo lugar.

O Juventude enfrenta outro time de Floripa no domingo (25): o Figueirense, fora de casa, às 18h15. No mesmo dia e horário, o Avaí joga em Campinas contra o Guarani.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo