Flamengo domina do início ao fim, vence Junior Barranquilla e garante liderança do Grupo A
Foto: Marcelo Cortes/Flamengo

O Flamengo fez o dever de casa e venceu o Junior de Barranquilla por 3 a 1, na noite desta quarta-feira (21), no Maracanã, e fechou a fase de grupos da Libertadores na liderança do grupo A. O Rubro-Negro demonstrou superação e consistência para conseguir fazer com que o time, praticamente reserva, não sentisse falta de entrosamento e desse conta do recado.

A estratégia deu certo, em alguns momentos do jogo. Contra um frágil adversário, que precisava vencer para tentar beliscar uma classificação, os brasileiros souberam ser superiores. Ainda no primeiro tempo, a vitória parcial de 2 a 0, demonstrou que o time comandado por Domènec está ganhando cada vez mais a forma que o treinador deseja.

Tranquilo domínio

Ainda na primeira etapa, o Flamengo abriu o placar bem cedo, aos 10', Vitinho cobrou escanteio na área, Léo Pereira cabeceou e Thuler desviou para o fundo das redes. Os cariocas começavam a dar as caras do que seria a partida. Quase no fim do primeiro tempo, o Mais Querido ainda ampliou a vantagem, com Lincoln, aos 39'. O atacante aproveitou a sobra após cruzamento de Bruno Henrique, e sem marcação marcou o seu segundo gol na Libertadores.

Na segunda etapa, a tal falta de ritmo veio à tona. O Flamengo, já com o placar a seu favor, passou a administrar o resultado enquanto trocava passes na linha de meio campo. A diferença pode ser percebida pela porcentagem de bola ao fim da partida: 72% para os brasileiros, contra 28% dos colombianos.

Téo Gutiérrez até tentou colocar o Júnior de volta na partida, mas não foi o suficiente. O gol aos 23', da segunda etapa, só serviu para ligar o alerta Rubro-Negro, que fechou o placar com Bruno Henrique, apenas seis minutos depois. Com a liderança garantida, Domènec Torent aproveitou para conhecer melhor seu elenco. Lançou mão de Lázaro, João Gomes e Noga, todos vindos da base e que podem aparecer mais vezes ao longo da temporada.

Independiente Del Valle fica com a segunda vaga

No Estádio Olímpico de Atahualpa, o Independiente Del Valle enfrentou o Barcelona de Guayaquil, em um clássico equatoriano, no mesmo horário da partida do Flamengo. O Del Valle fez valer o favoritismo do confronto e confirmou a segunda colocação no grupo após vencer por 2 a 0, com gols de Christian Ortiz e Gabriel Torres.

Com os resultados, o Flamengo terminou na liderança da chave, com 15 pontos, enquanto o Independiente Del Valle ficou na segunda posição, com 12. As derrotas deixaram o Junior de Barranquilla no terceiro lugar e o Barcelona de Gayaquil na última posição. Flamengo e Del Valle avançam às oitavas e aguardam o adversário que sairá por sorteio na próxima sexta-feira (23). O Junior irá disputar a Sul-Americana e o Barcelona volta suas atenções ao Campeonato Equatoriano.

VAVEL Logo