Visando manter bom retrospecto como mandante, Chapecoense encara CSA
Foto: Márcio Cunha/ACF

A noite desta terça-feira (27), promete! A Chapecoense recebe o CSA, na Arena Condá, às 19h (de Brasília), em Chapecó, em partida válida pela segunda rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

A partida que estava prevista para acontecer no dia 12 de agosto foi adiada, já que a equipe alagoana teve 18 casos positivos de Covid-19 em jogadores.

Chapecoense pode ser campeã do primeiro turno

Invicta há 14 jogos e vindo de um triunfo diante do Operário-PR por 1 a 0, na última rodada, a Chapecoense lidera a competição com 36 pontos, um a mais do que o América-MG. Caso o Verdão do Oeste vença o CSA nesta terça-feira, não poderá mais ser alcançado na última rodada pela equipe mineira e será decretada a campeã do primeiro turno.

Como mandante a Chapecoense está invicta e tem um aproveitamento de 83,3%. São seis vitórias e dois empates. E para manter esse bom aproveitamento em casa, o técnico Umberto Louzer será obrigado a mexer na equipe.

O lateral-direito Ezequiel foi expulso na última rodada e será substituído por Hiago. Na lateral-esquerda, Busanello retoma a posição, empurrando Alan Rushel para o meio-campo.

Ainda no sistema defensivo, Joilson retorna e pega a vaga do zagueiro Derlan. O autor do gol diante do Operário-PR, Anselmo Ramon, segue no time titular. Já o atacante Aylon disputará vaga com Tocantins.

Provável escalação da Chapecoense: João Ricardo; Hiago, Luiz Otavio, Joilson e Busanello; Willian Oliveira, Anderson Leite e Alan Ruschel; Paulinho Moccelin, Aylon (Tocantins) e Anselmo Ramon. Técnico: Umberto Louzer.

CSA quer estragar a festa da Chape para encostar no G-4

O CSA vem de cinco jogos sem perder. Na última rodada a equipe arrancou um empate diante do Brasil de Pelotas e perdeu a chance de encostar no G-4. O time Marujo ocupa a décima posição na tabela, com 24 pontos. A equipe comandada pelo técnico Mozart Santos, sabe das dificuldades que enfrentará diante da líder Chapecoense, fora de casa, mas quer estragar a festa.

O treinador também fará mudanças na equipe. Ele não poderá contar com o volante Yago, que está suspenso, Geovane deverá ficar com a vaga. Cleverson deverá pegar a vaga de Ignácio na zaga e Rafinha assumirá a lateral-direita no lugar de Noberto. Andrigo, Pedro Júnior, Igor Fernandes, Bilu e Rodrigo Andrade seguem no Departamento Médico do clube.

Provável escalação do CSA: Matheus Mendes; Rafinha, Cléberson, Luciano Castán e Diego Renan; Marquinhos, Geovane e Nadson; Allano, Paulo Sérgio e Rodrigo Pimpão. Técnico: Mozart Santos.

  1. Retrospecto

Chapecoense e CSA se enfrentaram apenas duas vezes na história, com uma vitória para cada lado. Os dois duelos foram pela Série A do Campeonato Brasileiro do ano passado. Na primeira partida, no dia 8 de setembro de 2019, válida pela 18ª rodada do Brasileirão, no Estádio Rei Pelé, terminou com a vitória alagoana por 2 a 0. No jogo de volta, no dia 4 de dezembro de 2019, pela 37ª rodada, foi a vez da equipe catarinense derrotar o Azulão por 3 a 0, na Arena Condá.

Arbitragem

O jogo será apitado por Vinícius Gomes do Amaral, que terá Fabrício Lima Baseggio e Tiago Augusto Kappes Diel como seus assistentes, todos do Rio Grande do Sul. Gustavo Ervino Bauermann será o quarto árbitro e Claudemir Maffessoni o analista de campo, ambos de Santa Catarina.

VAVEL Logo