Geninho comemora vitória do Avaí sobre América-MG: "Divisor de águas"
Foto: Reprodução/TV Avaí

O Avaí venceu o América-MG por 1 a 0 neste sábado (31), na Ressacada. O resultado interrompeu a sequência de três jogos de jejum. O duelo foi válido pela 19ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O técnico Geninho admitiu que a atuação não foi de nível técnico tão alto, mas ressaltou que o mais importante era o resultado.

O resultado foi fundamental, era o que nós precisávamos. Não havia outro resultado que servia neste jogo, para que pudéssemos virar o turno perto do grupo da frente. Uma derrota, nós corríamos o risco de ir lá pra atrás. Acho que foi um jogo de resultado. Não foi vistoso, de grande espetáculo. Não um jogo tecnicamente de alto nível, mas de muita entrega, marcação determinação. Todo mundo cumpriu muito bem suas funções” disse.

Na sequência, o comandante fez questão de elogiar também o adversário, que vinha de uma longa sequência invicta:

É bom ressaltar que nós jogamos contra talvez uma das três melhores equipes do campeonato. Que vinha de dez jogos invicto, com seis vitórias seguidas. Inclusive, a última delas na Copa do Brasil, contra o Corinthians, jogando fora de casa. Que vinha altamente motivado”.

Com a vitória, a equipe chegou aos 26 pontos, dois atrás do CSA, última equipe na zona de classificação para a Série A.

Era um divisor de águas para nós. Jogamos buscando apenas um resultado, pois até o empate não seria bom. Tínhamos que jogar com o coração, com a camisa, aquilo que faz parte da história do Avaí. Sempre foi um grupo que lutou até o final, que não se entrega. Não adiantava criar muitas situações e perder o jogo. Era fundamental ganhar o jogo”.

Para esta partida, o treinador optou por começar jogando com Leandrinho e Ronaldo. Segundo ele, como a equipe vinha de resultados ruins, era necessário mexer no time. E elogiou os escolhidos.

A utilização do Leandrinho e do Ronaldo é que esses jogadores chegaram como reforços, como opções, vinham treinando bem. A equipe vinha de três resultados negativos e, como treinador, tenho que fazer alguma coisa. Os jogadores precisavam ir para o jogo. Dentro do possível, foram bem”.

O gol da vitória foi marcado por Getúlio, que dedicou para o filho recém-nascido. Geninho destacou que o atacante ficou alguns dias sem treinar por estar no hospital. Além disso, também lembrou que Jean Martim e Rômulo foram infectados pelo novo coronavírus e também precisaram se afastar.

Havia uma preocupação muito grande. O Getúlio vinha sem treinar por causa do parto do filho, não podia sair do hospital. Não treinou três dias durante a semana. O Jean e o Romulo vinham de dez dias de paralisação por conta da Covid-19. Treinaram dois dias. Tivemos o problema do Yuri, que pegou uma gripe”.

Ainda sobre a escalação, o treinador explicou a opção de deixar Ralf na reserva. O volante entrou no decorrer da partida, substituindo Leandrinho.

O Ralf é um primeiro volante, mais de marcação do que de distribuição. Então optamos por abrir mão do marcador para ter alguém que também tem a característica de marcação, talvez não tão forte, mas que tenha uma qualidade um pouco melhor na saída de bola. Para que a gente possa municiar o ataque”.

Essa rodada encerra o primeiro turno da Série B, com o Avaí em nono lugar, com 26 pontos. Geninho alertou para a necessidade de uma melhor campanha no segundo turno, visando o acesso, já que, segundo ele, a equipe perdeu mais jogos do que deveria nesta primeira parte da competição.

Esse ano, a série B vai ser a mais difícil dos últimos anos. Vamos ter várias equipes brigando na frente, vai ser um campeonato equilibrado, com pequena diferença de pontos. Historicamente, o segundo turno sempre foi mais difícil que o primeiro. Então temos que estar preparados. Vamos ter que melhorar no segundo turno. Já perdemos acima do que deveríamos no primeiro turno. A nossa performance vai ter que ser bem melhor” encerrou.

O próximo adversário do Leão é o Náutico, na sexta-feira (6), no Aflitos, às 19h15. A partida é válida pela 20ª rodada da Série B, a primeira do returno da competição. 

VAVEL Logo