Santos é mais efetivo em jogo agitado, vence Bahia e se consolida no G-6
Foto: Ivan Storti/Santos FC

Na noite deste domingo(1º), o Santos recebeu o Bahia, na Vila Belmiro, pela 19ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. E em uma partida agitada, o Peixe venceu o Esquadrão de Aço por 3 a 1. Os gols foram marcados por Madson, Marinho e Jobson para a equipe santista e Daniel diminuiu para a equipe visitante.

Distribuição tática

Cuca, contou com seu trio de ataque titular. O treinador iniciou a partida mandando a campo um Santos no 4-3-3 com: Felipe Jonatan, Luan Peres, Lucas Veríssimo e Madson na defesa; Jean Mota, Jobson e Diego Pituca no meio; Soteldo, Kaio Jorge e Marinho no ataque. E João Paulo no gol.

Por outro lado, o técnico Mano Menezes, no 4-2-3-1: colocou a campo: Juninho Capixaba, Juninho, Anderson Martins e Nino Paraíba, na defesa; Ronaldo e Gregore no meio; Élber, Danielzinho e Fessin no ataque, com Gilberto mais isolado na frente e Douglas Friedch, no gol.

Com quatro gols no primeiro tempo, Santos é mais efetivo

Os primeiros 45 minutos de jogo entre Santos e Bahia foram bem movimentados, e com certo equilíbrio. Iguais no domínio da posse de bola, as equipes se diferenciadas pela profundidade nos ataques e na pontaria das finalizações. O Peixe, com seu trio de ataque (Marinho, Soteldo e Kaio Jorge) foi mais efetivo. Chamou a atenção a participação ofensiva dos laterais da equipe santista. Cuca deu liberdade para que os dois subissem ao mesmo tempo ao ataque e entrarem na área.

E foi assim que saiu o primeiro gol da partida. Aos nove minutos, Soteldo cruzou da esquerda para a área. Madson disputou a jogada com Juninho Capixaba e abriu o placar na Vila Belmiro.

Aos 25, a equipe santista conseguiu uma boa troca de passes com Lucas Veríssimo e Jobson. O meia tocou para Marinho, que bateu de dentro da área para ampliar para o Peixe.

Dois minutos depois, o Bahia conseguiu diminuir. Nino Paraíba arrancou pela direita e foi até a linha de fundo. O zagueiro Luan Peres não conseguiu cortar o cruzamento, e Daniel bateu de primeira. O Esquadrão de Aço não era inferior ao Peixe quando levou os dois gols, mas tinha enorme problema na defesa, que vem tomando gols com facilidade.

E não demorou muito para o Alvinegro Praiano aumentar a vantagem. Aos 36 minutos, Jobson cobrou falta e contou com uma falha do goleiro Douglas. Das seis finalizações da equipe santista, três entraram. Já o Bahia deu 12 chutes ao gol e marcou apenas um.

Segundo tempo sem gols

Após voltarem do intervalo, om apenas 20 segundos da etapa complementar, Gilberto já colocou João Paulo para trabalhar. E o Bahia seguia arriscando mais. O Santos também obrigou Douglas a fazer uma grande defesa em uma falta cobrada por Marinho. E também teve que defender um chute de Felipe Jonatan. Já João Paulo teve um momento de susto ao sair errado e ver a bola cair bem nos pés de Daniel, que finalizou na trave.

Classificação e próximos jogos

Com a vitória, o Peixe terminou o primeiro turno do Brasileirão na sexta posição, com 30 pontos. Já o Esquadrão de Aço, com 19, segue brigando contra o Z-4.

Na próxima rodada o Santos visita o Red Bull Bragantino, no domingo(8), às 18h15(de Brasília). Antes visita o Ceará, na quarta-feira (4), às 19h(de Brasília), pelo jogo de volta das oitavas da Copa do Brasil. O jogo de ida foi 0 a 0.

Já o Bahia recebe o Botafogo, no domingo(8), às 18h15(de Brasília). Antes enfrenta o Melgar, pelo jogo de volta da segunda fase da Copa Sul-Americana, na quinta-feira (5), às 21h30(de Brasília). O jogo de ida, o Esquadrão foi derrotado por 1 a 0.

VAVEL Logo