Sport e Athletico põem à prova sequências negativas por reabilitação no Campeonato Brasileiro
Foto: Anderson Stevens/Sport

Um confronto entre equipes rubro-negras põe fim ao turno do Campeonato Brasileiro da Série A 2020. Às 16 horas deste domingo (1º), Sport e Athletico Paranaense se enfrentam no Estádio Adelmar de Barros Carvalho, a Ilha do Retiro, no Recife/PE. Embora seja objetivo de toda e qualquer equipe ao entrar em uma disputa, a vitória tem peso ainda maior para os dois times.

De um lado, o Leão da Ilha não vence há cinco rodadas do Campeonato Brasileiro. A trajetória de Jair Ventura foi iniciada com uma ascensão impressionante, mas o time entrou em queda livre e perdeu quatro dos últimos cinco jogos, embora tenha empatado sem gols na última rodada contra o Atlético-MG fora de casa. No momento, os pernambucanos estão na 13ª posição, com 21 pontos.

Do outro lado, o Furacão não vence uma partida há pouco mais de um mês. Foram resultados negativos no Campeonato Brasileiro, na Copa do Brasil e na Taça Libertadores da América. Os paranaenses seguem afundados na zona de rebaixamento e precisam da vitória para reagir o quanto antes e ver a chance de sair da degola como algo mais concreto. No momento, o time ocupa o penúltimo lugar, com 16 pontos, e, a depender dos outros resultados da rodada, pode até deixar o grupo de equipes que caem à Série B.

Sport com volta de titulares

Em relação ao empate sem gols contra o Atlético-MG na rodada passada, o técnico Jair Ventura ganha mais opções para definir o time titular. O zagueiro Iago Maidana e o volante Marcão voltam de suspensão, o meia Bruninho retorna após cláusula contratual que impede o jogador de enfrentar o Galo, além do atacante Marquinhos, recuperado de desgaste muscular. Permanecem no departamento médico o lateral-esquerdo Sander, os volantes Betinho e Alê Santos, além do atacante Maxwell.

Com isso, a formação com três zagueiros deve ser desfeita. Rafael Thyere, Chico e Márcio Araújo possivelmente voltam ao banco de reservas. Em tese, a única dúvida é na lateral esquerda. Raul Prata tende a permanecer titular e atuar de forma improvisada, mas Júnior Tavares corre por fora. O jogador está em processo de igualdade de condicionamento físico e tem entrado durante as partidas.

Desfalques e retornos no Furacão

A lista de relacionados do Athletico Paranaense para o confronto diante do Sport conta com 23 jogadores. O time terá desfalques importantes, principalmente no setor defensivo. O lateral Abner irá cumprir suspensão pelo recebimento do terceiro cartão amarelo na última rodada, contra o Grêmio. A dupla de zaga titular também não joga. Pedro Henrique está com lesão muscular na coxa e Thiago Heleno foi diagnosticado com o novo coronavírus. Quem segue fora é o técnico Paulo Autuori, suspenso pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por três jogos após críticas à arbitragem quando ainda estava no Botafogo. Autuori segue fora até a próxima rodada.

Bernardo Franco deve ficar à frente do banco de reservas e comandar o time, como ocorreu no último fim de semana. Franco tem notícias positivas ao contar com os retornos do lateral-direito Khellven, que retorna após período de treinos com a Seleção Brasileira Sub-20, além do meia Jorginho e do atacante Renato Kayzer, impossibilitados de jogar no meio de semana na Copa do Brasil por terem disputado a competição neste ano pelo Atlético Goianiense. Na defesa, a dupla de zaga novamente será formada por Felipe Aguiar e Zé Ivaldo.

Ficha técnica Sport x Athletico Paranaense – Campeonato Brasileiro da Série A, rodada #19

Estádio Adelmar da Costa Carvalho, a Ilha do Retiro, no Recife/PE – 16 horas deste domingo (1º)

Sport – Luan Polli; Patric, Iago Maidana, Adryelson e Raul Prata (Júnior Tavares); Marcão, Ricardinho, Lucas Mugni e Thiago Neves; Marquinhos e Leandro Barcia. Técnico: Jair Ventura.

Athletico Paranaense – Santos; Erick, Zé Ivaldo, Felipe Aguilar e Márcio Azevedo; Christian, Richard e Léo Cittadini; Nikão, Renato Kayzer e Reinaldo. Técnico: Bernardo Franco.

Arbitragem de campo – Jefferson Ferreira de Moraes (CBF/GO), auxiliado por Fabrício Vilarinho da Silva (FIFA/GO) e por Leone Carvalho Rocha (CBF/GO), com Luiz Cláudio Sobral (CBF/PE) como quarto árbitro

Arbitragem de vídeo – Wilton Pereira Sampaio (FIFA/GO), auxiliado por Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (CBF/GO) e por Ciro Chaban Junqueira (CBF/DF)

VAVEL Logo