Cuca exalta desempenho dos jogadores do Santos e projeta segundo turno
Foto: Ivan Storti/Santos FC

O Santos terminou o primeiro turno da Série A do Campeonato Brasileiro com vitória por 3 a 1 sobre o Bahia, neste domingo (1º), na Vila Belmiro, resultado que foi bastante festejado pelo técnico Cuca. Isso porque o Peixe se manteve no G-6 e a cinco pontos do Internacional, que é o atual líder da competição. Em entrevista coletiva virtual após o jogo,

Cuca exaltou o desempenho time e o "retorno" que os jogadores mais jovens têm dado em campo e aproveitou para fazer uma projeção para o segundo turno da competição.

"Hoje era um jogo de encerrar o turno, virando o turno com 30 pontos e entre os seis é muito bom no geral, dentro de todas as dificuldades que vivemos, que nem preciso falar. Jogadores dão retorno positivo em campo", declarou o treinador, que relembrou as projeções feitas pela imprensa sobre o Santos no início da temporada, quando o Peixe não era cotado nem entre os dez primos, para analisar o primeiro turno do Santos.

"Para essa análise do primeiro turno, temos que voltar ao começo da competição e vermos o que muitos analistas falaram. Santos estaria na segunda página, não entre os dez primeiros. Estamos na primeira página, posição a nível de zona de Libertadores. Não é o que o Santos almeja, mas não estamos envolvidos no Brasileirão. Copa do Brasil, Libertadores, mata-mata, viagem, elenco enxuto, formação de jovens. Estou muito contente com o trabalho, o retorno dos jovens e dos mais experientes. Torcedor também deve estar feliz com o que esse pessoal tem apresentado. Vivo em outras duas competições e entre os seis primeiros do Campeonato Brasileiro", analisou.

O Peixe terminou o primeiro turno do Brasileirão na sexta posição, com 30 pontos, sendo oito vitórias, seis empates e cinco derrotas. Apesar do bom desempenho do time, porém, Cuca projeta um segundo turno mais difícil para o Peixe, que disputa mais duas competições além do torneio nacional: a Copa do Brasil e a Libertadores. Cuca, inclusive, disse que estuda solicitar o adiamento de uma partida no Brasileiro, devido ao pouco tempo de recuperação entre uma partida e outra.

"Projeto mais difícil no segundo turno é a negociação dos três pontos. Cada um terá uma luta, não se sabe se é jogar contra a parte de cima ou de baixo. Equipes tradicionais com 19, 20 pontos e vão vender caro cada jogo. Temos que nos preparar. Sei que o segundo turno vai ser mais difícil por estarmos em outras competições. Vou jogar com o Athlético lá no sábado e na terça o mata-mata em Quito. Como jogar sábado e viajar para não aclimatar nem um pouco? Eu tinha pensado até em adiar, Athlético joga contra o Boca também. Não tenho como fazer, ir com 20 aqui e levar 11 ou 12 para Quito. É muito desigual. Vou priorizar a Libertadores neste momento. Prevejo no segundo turno uma dificuldade maior no Campeonato Brasileiro", afirmou Cuca.

O Santos volta a campo na quarta-feira (4), contra o Ceará, na Arena Castelão, pelo jogo de volta das oitavas da Copa do Brasil. No jogo de ida, o Peixe ficou no empate e precisa vencer para se classificar, em caso de novo empate vai para os pênaltis.

VAVEL Logo