Clubes se solidarizam com influenciadora digital Mari Ferrer
Clubes se solidarizam com caso de Mari Ferrer( CR Vasco da Gama/Divulgação)

Na última terça-feira (03), um vídeo causou revolta nas redes sociais. Revelado pelo portal The Intercept, a gravação do julgamento do empresário André de Camargo Aranha, acusado de estuprar a digital influencer Mari Ferrer, chocou muitos. Na audiência, o empresário de defesa, Cláudio Gastão da Rosa Filho, humilhou a vítima, na visão de muitos. E muitos clubes de futebol se solidarizaram à influenciadora.

Uma extensa lista de clubes twittou mensagens de apoio à influenciadora - muitos deles com a tag #JusticaPorMariFerrer, que estava no Trending Topics Brasil (lista de expressões mais populares no Twitter naquele momento), mostrando incentivo à causa.

Cabe destacar os três clubes da Série A que não twittaram a respeito. O Santos, envolvido recentemente em polêmicas por conta da contratação de Robinho, que tem uma condenação em trânsito por estupro na Itália; o Atlético-GO, time do goleiro Jean, que agrediu a mulher nos EUA, em 2020; e o Red Bull, que conta nos respectivos quadros com Wesley, também condenado em instâncias inferiores por agressão à mulher em 2019.

Confira as postagens dos clubes:

VAVEL Logo