Figueirense sofre nova derrota em casa, mas Elano ameniza: "Continuar lutando"
Foto: Patrick Floriani/Figueirense

O Figueirense foi derrotado pelo Operário pelo placar de 1 a 0, no Orlando Scarpelli, em jogo valido pela 20ª rodada do Brasileirão Série B. O gol da partida foi marcado numa infelicidade do zagueiro Paulo Ricardo, que jogou contra suas próprias redes. Com a derrota, o Figueirense se afunda ainda mais na tabela, se encontrando na 18ª posição com 19 pontos conquistados.

A torcida do Figueira parece ter perdido a paciência com o treinador Elano, que não consegue fazer seu time manter uma boa sequência e, consequentemente, fugir da zona da degola. Elano, que estava visivelmente chateado na entrevista, analisou o jogo de maneira rasa e disse que sua equipe poderia ter saído com a vitória:

“A equipe se comportou bem. Perdemos o jogo numa infelicidade, numa bola parada. Conseguimos criar as jogadas, poderíamos ter vencido”, disse o treinador.

O técnico também falou sobre o Operário, dando a entender que, por ter uma folha salarial maior, a obrigação de vencer era deles, e não de seu clube:

“Você viu a folha salarial do Operário? Olha contra quem estamos jogando, e jogamos de igual para igual. Eu estou triste, mas não adianta ficarmos lamentando”, rebateu Elano.

Ele falou também sobre o mau momento do ataque de sua equipe e garantiu que a equipe irá continuar lutando para fugir da má fase:

“Os jogadores precisam voltar a acertar o gol. A gente está criando oportunidades, tivemos uma bola na trave. Temos que melhorar, quando não se ganha, nada é completo. Estou completamente arrasado porque contávamos com uma vitória. Mas no contexto geral, temos que continuar lutando”, completou o treinador.

O Figueirense irá precisar melhorar seu desempenho em campo e começar a acertar o alvo adversário para fugir dessa situação. O próximo compromisso da equipe será diante do Vitória, na próxima quinta-feira (12), às 21h30, no Barradão.

VAVEL Logo