Palmeiras derrota Vasco fora de casa em jogo equilibrado e encosta no G-4
Foto: Divulgação / Palmeiras

 Na tarde deste domingo (8), Vasco Palmeiras se enfrentaram no São Januário pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. Cada equipe tinha objetivo diferente, e foi o time paulista quem venceu: 1 a 0 graças ao gol salvador do atacante Luiz Adriano, marcado no segundo tempo. Tal resultado deixa o Alviverde dentro do G-6 e o Cruzmaltino pintado de vermelho na zona de rebaixamento.

Jogo equilibrado no Rio

A partida começou equilibrada, mas com o Palmeiras tendo mais posse de bola. O treinador Sá Pinto organizou sua equipe para jogar mais no contra-ataque e marcar mais recuado, no seu campo de defesa, sem se expor muito. Logo aos 3', a equipe vascaína tentou encaixar um contra ataque, mas Gustavo Gómez fez falta em Léo Matos e levou o primeiro amarelo da partida. 

O Palmeiras usou uma tática parecida com a de Sá Pinto. Quando não tem a bola, a equipe não pressiona no campo ofensivo e espera o Vasco atacar.

Aos 25 minutos do primeiro tempo, a equipe da casa chegou a 35% de posse de bola. O Vasco ficou muito preso no seu campo de defesa e quando tem a chance de contra-atacar, falta velocidade ou tem o erro de passes que devolvem a bola para o Palmeiras. Então, a partida seguiu sem chances claras de gol.

A única chance de gol do primeiro tempo veio aos 42 minutos. Após cobrança de falta de Raphael Veiga, Neto Borges desviou e quase que a bola entra.

Estatísticas do primeiro tempo Vasco x Palmeiras: 

  • Posse: 37% x 63% 
  • Finalizações: 3 (1) x 3 (0)
  • Desarmes: 10 x 8

O segundo tempo começou melhor. Logo aos dois minutos, Rony saiu cara a cara com Fernando Miguel e tentou finalizar com a perna direita mas o goleiro conseguiu salvar o Vasco de tomar o primeiro gol. Aos 6', novamente o Palmeiras chega com perigo, depois de bom cruzamento de Gustavo Gómez, Gabriel Menino chegou por trás da zaga e completa para o gol mas Fernando Miguel faz boa defesa. 

Assim, o Palmeiras conseguiu em seis minutos construir mais do que em toda primeira etapa. A primeira chance vascaína de gol veio aos 10': Cano recebeu na área, cortou o zagueiro e chutou rasteiro mas Weverton fechou bem o canto e fez boa defesa. 

Aos 16 minutos, a bola sobrou para Andrey na entrada da área, o volante ajeitou e finalizou de longe e a bola passou perto do gol de Weverton. Aos 25 minutos, Lucas Lima recebe na área, corta o zagueiro, é derrubado e o juiz marca pênalti para o Palmeiras. Depois do VAR analisar se houve impedimento ou não na jogada o pênalti foi confirmado pelo árbitro.

Luiz Adriano foi para a cobrança e bateu rasteiro no canto esquerdo do goleiro, mas Fernando Miguel acertou o canto e fez a defesa. NO rebote, a bola voltou para o atacante que marcou o gol salvador. 

Alguns minutos após o gol, Luiz Adriano sentiu uma lesão e foi substituído. Logo depois de fazer a substituição, Felipe Melo sentiu também, mas como o Palmeiras já fez as três paradas para mexer o time terá que jogar com um jogador a menos. 

Com um jogador a mais, Sá Pinto colocou o time pra frente tirando o Cano e Andrey para a entrada dos atacante Ribamar e Gustavo Torres. Cinco minutos depois ele fez mais uma substituição tirando o zagueiro Ricardo para a entrada de Vinícius. O Vasco continuou pressionando o Palmeiras, mas não consegue criar chances reais de gol para empatar a partida. 

Estatísticas de Vasco 0x1 Palmeiras:

  • Posse de bola: 44% x 56%
  • Finalizações: 9(3) x 8(3)
  • Desarmes: 18 x 12
  • Escanteios: 0 x 4
  • Faltas: 17 x 19 

Com a vitória neste domingo (8), o Palmeiras chega a 31 pontos e encosta no G-4. A equipe paulista subiu para a sexta colocação. Enquanto o Vasco segue com 19 pontos e caiu para a 17ª colocação, entrando na zona de rebaixamento.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo