Marcelo Cabo valoriza trabalho de antecessores no Atlético-GO
Marcelo Cabo em Sport 0 a 1 Atlético-GO (Atlético CG/Divulgação)

A segunda passagem de Marcelo Cabo pelo Atlético-GO já começou de maneira destacada. Na segunda partida do treinador do Dragão, a equipe somou a segunda rodada de invencibilidade. Tudo isso fora de casa. Nesta segunda-feira (23), a vitória contra o Sport, adversário direto na luta contra o descenso. Antes disso, um agônico empate contra o Flamengo no Maracanã nos primeiros jogos dele no Campeonato Brasileiro 2020.

Para o treinador, entretanto, o mérito não é apenas dele. Marcelo Cabo, por sinal, falou de metas colocadas pela comissão técnica à equipe. "Precisamos ressaltar a importância desses quatro pontos. Claro que o trabalho do Mancini, passando pelas mãos do Eduardo Souza, foi muito bem feito. Eu peguei, tive primeiro só três sessões de treinamento antes do Flamengo, mas depois tive uma semana completa. Foi muito importante. Trabalhamos muito. Trabalhei o lado psicológico e passei confiança para esses atletas. Tínhamos uma sequência difícil fora de casa, mas não poderíamos voltar com menos de quatro pontos. Conseguimos essa pontuação", comentou.

Idas e vindas

O Mercado da Bola está agitado no Atlético Goianiense na metade do Brasileirão 2020. O técnico do Dragão falou, em um primeiro momento, sobre os atletas que estão chegando na franquia. "Rithely chegou há um bom tempo, já vinha treinando, e hoje pôde estrear. Pereira também já completou três semanas no clube. O Danilo chegou por último, mas me impressionou muito no treino de sexta-feira. Então, pela minha convicção, decidi trazer e apostar nesses três jogadores. Entraram muito bem no segundo tempo", afirmou.

Artilheiro da equipe na temporada, com sete gols, Matheuzinho sequer foi relacionado para a partida. Sem revelar nada, Marcelo Cabo também comentou a situação do atleta. "Foi uma decisão interna . Decisão interna fica internamente. Temos que ressaltar os jogadores que estiveram aqui e saíram com essa vitória. As decisões que tomamos internamente, nem sempre podemos externar. Na hora certa vocês vão ficar sabendo", finalizou o técnico.

VAVEL Logo