Diniz revela idolatria e tristeza com falecimento de Maradona: "Maior inspiração de todas"
Foto: Miguel Schincariol/São Paulo

O dia 25 de novembro de 2020 ficará marcado na mente de muitos admiradores de futebol. Logo no período da manhã, foi informado o falecimento do ex-jogador Diego Armando Maradona, um dos maiores ídolos da história do futebol argentino e de clubes como Napoli e Boca Juniors.

Em meio aos futebolistas que se entristecem com a morte do ídolo, está o técnico do São Paulo: Fernando Diniz. Após o empate de sua equipe diante do Ceará, o treinador revelou sua idolatria por Maradona e externou um sentimento de tristeza com o ocorrido.

É um dia, para mim, muito triste, foi o jogador mais marcante na minha história com o futebol. Maradona era o cara que eu queria ser quando era criança. A minha grande inspiração para jogar futebol são os grandes jogadores que vi jogar, e o Maradona foi a maior inspiração de todas. Tento retribuir com o meu trabalho de alguma forma a inspiração que eu tive com esses craques”,  disse Diniz.

O corpo do argentino foi velado na manhã desta quinta-feira (26) na Casa Rosada, palácio presidencial da Argentina. Maradona deixa 5 filhos e um gigantesco legado na história do futebol, sendo homenageado até mesmo por rivais dos clubes que marcou época.

 

VAVEL Logo