Irritado, Sá Pinto ironiza jornalista em coletiva após eliminação do Vasco
Ricardo Sá Pinto em Vasco 0 a 1 Defensa y Justicia (CONMEBOL/Divulgação)

A eliminação do Vasco da Gama na Copa Sul-Americana 2020 atingiu diretamente Ricardo Sá Pinto. Técnico cruzmaltino, ele mostrou-se muitíssimo irritado na coletiva de imprensa após a derrota para o Defensa y Justicia, nesta quinta-feira (03), em São Januário

O treinador respondeu apenas três perguntas, tudo em cerca de dois minutos e meio. O auge da irritação veio após uma pergunta a respeito de uma suposta demora em fazer substituições. Apesar de fazer as cinco permitidas, a primeira delas aconteceu aos 32 minutos da segunda etapa. Ricardo Sá Pinto ironizou o jornalista que fez a pergunta. 

"Por que eu demorei? Não entendi a pergunta. Substituí quando tinha que substituir. Depois me dê o telefone dele que eu pergunto a ele quando devo substituir. Fica como opção", riu.

Em outro momento, o técnico do Vasco afirmou que o Defensa y Justicia não teve chances de marcar — os argentinos finalizaram nove vezes a gol, acertando três. O profissional também reclamou de um suposto pênalti após chute de Ribamar que resvalou no braço de Héctor Martínez — e que rendeu o amarelo para o lusitano.

"Se tivéssemos marcado uma das seis ou sete oportunidades, ninguém falaria sobre isso. Contra zero oportunidades do adversário. Você está chateado, não? Me parece. Continuo a dizer: o Vasco fez um grande jogo e merecia ter passado à fase seguinte. É uma grande injustiça esse resultado. Volto a dizer: o adversário teve zero oportunidades. E tivemos um pênalti que nos foi roubado", destacou.

Para finalizar uma curtíssima coletiva, perguntado sobre o que deveria ser feito para evoluir, Sá Pinto foi sucinto: "Continuar a trabalhar para melhorar", finalizou o técnico do Vasco da Gama.

VAVEL Logo