Avaí afasta jogadores envolvidos em confusão com torcedores em  balada
Foto: divulgação/Avai

Um dia depois da agressão contra o zagueiro Airton, a diretoria do Avaí se manifestou nesta segunda-feira (7), sobre o episódio envolvendo torcedores e jogadores em frente a uma casa noturna no último domingo (6), em Florianópolis.

Em nota oficial, o clube repudiou e caracterizou as agressões físicas e verbais como um "absurdo", mas resolveu afastar e multar os atletas envolvidos por "descumprirem uma orientação do departamento médico" em um protocolo contra Covid-19.

Vale ressaltar que recentemente o clube conviveu com um surto, onde 17 pessoas foram infectadas.

O Avaí também informou que dará toda assistência aos atletas por conta das agressões sofridas.

Entenda o caso

Na noite do último domingo (6), vídeos começaram a circular nas redes sociais. Neles, o zagueiro Airton, do Avaí, aparece sendo agredido com dois socos por um torcedor, na saída de uma casa noturna, no centro de Florianópolis. Além do zagueiro, o volante Ralf e os atacantes Ronaldo e Jonathan também aparecem no local sendo xingados por um grupo de torcedores.

Confira a nota oficial do Avaí

"O Avaí FC, vem a público se manifestar sobre as absurdas agressões com alguns atletas ocorrida no dia 06/12/2030, por volta das 21h, repudiando, veemente, qualquer ato de violência ou ameaça física ou verbal para com seus integrantes do quadro de futebol.

​​​​​​Por outro lado, o Avaí FC entende que esses atletas descumpriram uma orientação do departamento médico (protocolo interno da Covid-19) e não respeitaram o isolamento social, além dos cuidados exigidos pelas autoridades sanitárias, podendo trazer sérios riscos para o ambiente de trabalho. Assim o clube tomou as seguintes medidas internas necessárias para o momento:

  1. Os atletas terão toda a assistencoa do clube relacionadas às agressões sofridas;
  2. Os atletas serão afastados de suas atividades do clube por tempo indeterminado;
  3. Os atletas serão multados em seus salários com pagamento de multa;
  4. O clube reforçará que o grupo de atletas cumpra o que foi determinado pelas autoridades de saúde".
VAVEL Logo