Grêmio e Santos se enfrentam para manter vivo o sonho do tetra na Libertadores
Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Menina dos olhos do torcedor brasileiro, a Libertadores terá um confronto local na fase quartas de final. Grêmio e Santos decidem a partir desta quarta-feira (9) em Porto Alegre uma vaga na próxima fase do torneio. O jogo de volta é no dia 16 na Vila Belmiro.

Em outubro os times se enfrentaram pelo Brasileirão e deu Santos, com dois gols de Marinho. O Grêmio descontou com Diego Souza e ainda teve David Braz expulso.

Dúvidas time do Grêmio

Neste momento, o tricolor gaúcho defende uma invencibilidade de 16 jogos na temporada. A última derrota foi justamente para o Santos, em 11 de outubro. São 13 vitórias e apenas três empates desde então.

"Temos um grupo, pedi que não dessem satisfação sobre Kannemann, Jean Pyerre ou qualquer outro jogador. Quanto menos armas dar para o inimigo, melhor", comentou o técnico Renato Portaluppi após a goleada sobre o Vasco por 4 a 0 no final de semana.

Apesar do mistério, a tendência é que ambos sejam titulares. Eles sentiram dores musculares, mas o meio-campista atuou contra o Guaraní e o zagueiro argentino está fora do time desde 5 de novembro.

Provável escalação do Grêmio: Vanderlei; Victor Ferraz, Geromel, Kannemann e Diogo Barbosa; Matheus Henrique, Maicon, Luiz Fernando, Jean Pyerre (Pinares) e Pepê; Diego Souza.

Santos confiante 

Comandado por Cuca, ex-jogador do Grêmio, o time da Vila Belmiro vem de um empate em 2 a 2 no clássico diante do Palmeiras. O técnico deve manter a base - a diferença é na zaga, visto que Lucas Veríssimo recebeu propostas do futebol europeu e pode deixar o clube.

“Esse jogo de ida será muito importante. Sabemos o grande time que vamos enfrentar, a história que eles têm, mas são duas grandes equipes, 11 contra 11, e precisamos nos concentrar em fazer o nosso trabalho bem feito”, garante Soteldo, titular absoluto do Santos.

Provável escalação do Santos: John; Pará, Luan Peres, Laércio (Lucas Veríssimo) e Felipe Jonatan; Alison, Diego Pituca e Soteldo; Lucas Braga, Marinho e Kaio Jorge.
 

VAVEL Logo