Palmeiras faz lição de
casa, bate Libertad e é primeiro classificado às semis da Libertadores
Foto: Divulgação/Palmeiras

E temos o primeiro brasileiro na semifinal! No Allianz Parque o Palmeiras recebeu o Libertad em jogo válido pela volta das quartas de final da Copa Libertadores. A partida que aconteceu na última quarta-feira (15) teve vitória do alviverde e classificação por 3 a 0!

Com o empate em 1 a 1 no jogo de ida, o Verdão mais uma vez teve um jogo difícil contra o Libertad mas conseguiu fazer o resultado com gols de Scarpa, Rony e Gabriel Menino.

Estratégias

Abel Ferreira levou apenas uma mudança no time: saiu Zé Rafael e entrou Marcos Rocha, levando Menino para o meio. Com isso a linha de defesa foi formada por Marcos Rocha, Luan, Gómez e Viña.

O meio tinha Danilo, Menino e Veiga. No ataque estava Scarpa, Veron e Rony. O time buscava as movimentações e amplitude para poder abrir o adversário e chegar ao resultado.

Morínigo entrou com a mesma formação tática para tentar segurar o Palmeiras e tentar as jogadas com lançamentos como foi na primeira partida.

A primeira linha tinha Ramírez, Cardozo, Adorno e Piris. A segunda tinha Bareiro, Campuzano, Cáceres e Acosta. No ataque estavam Martínez e Ferreira.

Para as semis!

A primeira jogada de real perigo na partida foi do Libertad, em uma bola cabeceada para a área, onde Ferreira dominou já tirando Gómez da jogada e bateu rasteiro, forte, mas Weverton saiu bem e tirou a bola para longe. A resposta alviverde chegou aos 19, quando Scarpa ficou com a bola na entrada da área e Martín Silva ficou com ela no chão.

Dois minutos depois Veiga fez uma ótima jogada e deixou para Rony, que nem encostou na bola e Scarpa chegou batendo forte, rasteiro, no canto direito de Martín Silva que nada pode fazer além de ver o Palmeiras abrir o placar!

Aos 33 Scarpa bateu de longe e mandou para fora com desvio, criando mais uma boa chance. No escanteio, Martín Silva salvou uma cabeçada da entrada da pequena área!

Com 46, em uma jogada de troca de passes, Rony deixou para Menino na direita, que tocou para Veiga chegar batendo, mandando a bola pelo lado esquerdo de Martín Silva.

Já na primeira etapa, apesar dos sustos levados e da dificuldade em impor seu jogo contra um forte adversário, tanto física quanto taticamente, o Palmeiras somou 57% de posse de bola, com 10 finalizações, acertando três, contra 43% do Libertad, que finalizou duas vezes, com uma certa.

No intervalo houveram duas substituições, onde saiu Martínez e entrou Cardozo, a troca de um nove por um nove. No meio saiu Bareiro e entrou Villalba.

A primeira chance da segunda etapa foi de Scarpa, aos nove minutos, quando bateu uma falta frontal e Martín foi buscar no alto! Um minuto depois, em um chute de longe, o Acosta mandou a bola por cima do gol.

Logo aos 11, Emerson Santos entrou no lugar de Gustavo Gómez, que no primeiro tempo sofreu com uma bolada na virilha e com um cabeceio onde acertou o adversário.

Cinco minutos depois o juiz foi ao VAR por um lance de solada de Piris, que chegou solando Veiga e por isso recebeu o vermelho! No início da segunda etapa o alviverde ficava com um a mais!

Com 19 minutos Martín Silva mostrava o porquê era um dos grandes nomes do jogo. A bola sobrou para Veron, na direita da grande área, sozinho e o goleiro defendeu duas seguidas nas finalizações do camisa 27!

Aos 23 Gabriel Menino arrancou e jogou a bola na direita para Marcos Rocha, que cruzou para o meio onde estava Rony, que deu o carrinho para ampliar o placar! Após o gol o Libertad fez duas substituições onde saíram Martínez e Ferreira para saírem Cáceres e Enciso.

Aos 31 o Palmeiras fez duas substituições, onde saíram Raphael Veiga e Rony para a entrada de Zé Rafael e Willian. Que já aos 32 perdeu uma grande chance, quando Scarpa cruzou e ele subiu alto para cabecear e obrigar Martín a mais uma bela defesa!

Na sequência do escanteio Marcos Rocha errou um recuo, dando a bola para camisa 23, que saiu na cara do gol após tirar Weverton da jogada e ver o próprio Marcos Rocha salvar em cima da linha!

Aos 34 saiu Campuzano e entrou Franco, tirando um meio campista de defesa por um meia atacante.

E na sequência da jogada, com 37, Weverton lançou a bola e Willian tocou de calcanhar, no alto, para Scarpa que invadiu a área e tocou pro meio, onde Gabriel Menino estava para sacramentar a classificação do alviverde!

Aos 39 Abel Ferreira tirou Marcos Rocha e Scarpa para a entrada de Mayke e Breno Lopes.

Ao final da partida muito influenciado pelo jogador a mais, o alviverde somou 61% de posse, com 22 finalizações, com 12 certas, contra 39% do Libertad, que somou seis finalizações, com três certas.

Próximos jogos

O Palmeiras volta aos gramados no sábado (19), às 21h, quando encara o Internacional fora de casa pelo Brasileirão. Já o Libertad encara o Olímpia também no sábado, mas às 19h30.

Pela Libertadores o alviverde espera a partida entre River Plate e Nacional para conhecer seu adversário. A primeira partida acabou com 2 a 0 para os argentinos, com gols de Montiel e Zuculini. O jogo de volta, no Uruguai, acontece na próxima quinta-feira (17), às 21h30.

VAVEL Logo