Português Ricardo Sá Pinto não é mais o técnico do Vasco
Foto: Rafael Ribeiro/Vasco

O Vasco demitiu o técnico Ricardo Sá Pinto após mais uma derrota no Brasileirão, dessa vez para o Athletico, por 3 a 0. O português ficou no cargo durante pouco mais de dois meses e deixa a equipe em 17º lugar, na zona de rebaixamento da competição, com 28 pontos. Além do treinador, deixam o clube o auxiliar Rui Mota, o preparador físico Miguel Moreira e o analista Igor Dias. Todos portugueses.

A decisão ocorreu durante a madrugada e o técnico já foi comunicado. Aliás, o treino de hoje, que estava marcado para a parte da manhã, foi alterado para a tarde. O elenco foi comunicado por volta de 1h da manhã.

Sá Pinto chegou ao clube no fim de outubro e comandou a equipe em 15 jogos, com três vitórias, seis empates e seis derrotas. Diante dessa campanha, o Vasco perdeu posições no Brasileirão e foi eliminado da Copa Sul-Americana pelo Defensa y Justicia, nas oitavas de final.

O mais cotado para assumir o cargo é Zé Ricardo. As negociações já estão em andamento e o treinador avalia com seus representantes. O anúncio deve ocorrer ainda nesta terça-feira.

Quem também deve deixar a equipe é o diretor de futebol André Mazzuco.  Seu substituto deve ser Rodrigo Caetano, que está de saída do Internacional e é preferido de Jorge Salgado, o presidente eleito no Cruz-maltino.

VAVEL Logo