#EntrevistaVAVEL: destaque do América-MG na temporada, Rodolfo já projeta Série A
Imagem: Mourão Panda/América Mineiro

O torcedor do América-MG tem muitos motivos para sorrir para a temporada de 2020/21. Sob o comando de "Lisca Doido", o Coelho garantiu o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro com quatro rodadas de antecedência e fez campanha histórica na Copa do Brasil, chegando pela primeira vez às semifinais do torneio, sendo eliminado pelo Palmeiras na ocasião.

O camisa 9 da equipe, Rodolfo Silva, contratado por empréstimo junto ao Capivariano-SP no início do ano de 2020 e adquirido definitivamente em setembro, é um dos destaques da equipe na temporada, com 16 gols marcados. 

Em entrevista exclusiva à VAVEL Brasil, o atleta falou sobre seu desempenho na temporada, a ascensão do América na Série B e suas expectativas para a disputa do Campeonato Brasileiro Série A.

Você chegou ao América-MG para a temporada de 2020, e mesmo com a paralisação (devido à pandemia da COVID-19), conseguiu se firmar na equipe e fazer a temporada mais artilheira de sua carreira até então. Como você lidou com esse período de pausa das competições e o que acha que fez de diferente de anos anteriores para conseguir números tão positivos?

"Na paralisação, todos nós, jogadores, nos empenhamos muito em casa. Procuramos fazer tudo que a fisiologia e a preparação física passou pra gente, e esse foi o fator principal da nossa força na volta. A respeito de me firmar na equipe, acho que foi muito trabalho duro, empenho no dia a dia e sempre respeitando meus companheiros. Acho que esse foi o diferencial pra me firmar na equipe. Pra conseguir os números tão bons assim, foi o amadurecimento. Procurar aprender no dia a dia, porque a cada dia você sempre aprende alguma coisa, tem que sempre procurar evoluir. Então o amadurecimento me ajudou a conquistar esses números tão positivos".

Como você avalia o desempenho do América-MG nessa temporada, com o crescimento coletivo durante a Série B e a longa invencibilidade mantida?

"Nosso desempenho é muito bom. Um grupo unido, um grupo família, onde todos procuram ajudar uns aos outros, escutando sempre a comissão, de excelentes profissionais. O Lisca sempre nos ensinando uma coisa a mais no dia a dia... isso é muito bom. Então o nosso crescimento coletivo foi isso aí, a força do grupo, um grupo família, que a gente sempre fala, a gente sempre coloca isso em todas as reuniões. Então esse é o fator principal pra gente ter essa sequência na Série B, graças a Deus conseguimos o acesso e passo a passo vamos em busca do título".

Quais suas expectativas para a disputa da Série A no ano que vem? Se sente confiante e preparado para enfrentar os clubes de elite do Campeonato Brasileiro?

"Expectativa é das melhores. Todos que estão aqui sonham em jogar uma Série A. O grupo quer jogar uma Série A, conseguimos esse objetivo. Me sinto confiante de poder jogar uma série A sim, enfrentar grandes clubes, como a gente já fez na Copa do Brasil. A gente mostrou nossa força, mostrou nossa qualidade, mostramos que temos potencial pra isso sim, e vamos mostrar a força do América nesse ano. Então a gente se sente preparado sim, e se Deus quiser vamos fazer uma bela Série A".

VAVEL Logo