Jogadores do Avaí não treinam em protesto por salários atrasados
Foto: Divulgação/Avai

Nesta quinta-feira (21), jogadores do Avaí fizeram uma manifestação e não treinaram por conta de atrasos salariais. Os atletas até compareceram na Ressacada, mas decidiram não treinar. Em nota oficial, o clube catarinense disse que espera resolver a situação o mais "breve possível".

Mesmo assim, a expectativa é que os jogadores se apresentem normalmente nesta sexta-feira (22), para treinar visando a partida contra o Guarani, na Ressacada, pela 37ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

O Leão da Ilha está na sexta posição com 52 pontos. A equipe tem 3% de chances de garantir o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro, mas precisa vencer os dois próximos jogos e torcer para tropeços de CSA e Juventude, quarto e quinto colocado, com 56 e 55 pontos.

Veja a nota oficial do Avaí

"O Avaí FC espera resolver o mais breve possível as pendências salariais em aberto com os atletas e colaboradores. O clube tem ativos para receber, mas o que vem atrapalhando é a remessa destes valores e isso tem sido comunicado a todos os colaboradores, inclusive aos atletas.

A burocracia da remessa do fundo para o Avaí está sendo acompanhada diariamente. Trata-se de uma questão de tempo para a solução da situação. O clube tem agido de forma transparente, informando a todo instante o andamento destes esforços para cumprir os compromissos".

VAVEL Logo