Fora do Z-4, Dado comemora triunfo 'com cara do Bahia' diante do Corinthians
Foto: Divulgação/Esporte Clube Bahia

Gilberto e Juan Pablo Ramírez marcaram os gols que deram o Bahia os três pontos suficientes para deixar a zona de rebaixamento do Brasileirão. O placar de 2 a 1 diante do Corinthians na última quinta-feira (28) fez o clube subir para a 16ª posição, a primeira fora do Z-4.

"Dentro de casa a gente tem que se impor. A gente precisa dos triunfos necessários para sair dessa zona incômoda. O time está de parabéns, fez um jogo difícil contra uma equipe difícil de ser batida. Tínhamos esse jogo atrasado e era importantíssimo somar três pontos para a gente ficar na briga e lutar até o fim", declarou o zagueiro Ernando após o apito final em Salvador.

"A entrega dos atletas foi merecedora desse triunfo. O que eles fizeram em campo nos trouxe uma alegria de visualizar que, se fizer isso mais vezes, se o Bahia for competitivo como foi contra o Corinthians, nós vamos sair dessa situação. Não foi só esse jogo que fizemos com 'cara de Bahia'. A gente não pode mascarar a performance com o resultado. Nós tivemos agressividade necessária para subir marcação, marcar mais alto, para construir bem ofensivamente em termos de eficiência, fazendo gols. No final do jogo a gente soube sofrer, uma terminologia que se usa muito, baixamos as nossas linhas", analisou o técnico Dado Cavalcanti.

Mesmo com o resultado positivo, Ernando pontuou alguns ajustes para o time melhorar.

"O segundo tempo contra o Sport foi muito ruim e contra o Corinthians entramos com um espírito diferente. A nossa equipe conseguiu fazer 2 a 0, tivemos até a chance de fazer o terceiro com o Tiago para ser um segundo tempo mais tranquilo e a gente ficar mais com a bola, mas infelizmente acabou que eles colocaram o time pra frente, fizeram 2 a 1 e conseguimos neutralizar as jogadas aéreas deles, tanto de cruzamento quanto falta lateral, e nossa equipe foi agressiva nessa bola aérea".

Dado concordou com o zagueiro. "No segundo tempo foi um jogo muito pesado do Corinthians, com o Raul, o Jô, o Gil. As bolas subiam na nossa defesa e, quase sempre, eles conseguiam levar uma certa vantagem, mas nós tivemos a competência de não tomar o gol neste momento e conseguir esse triunfo importante", finalizou. 

Classificação e próximos jogos

Com este resultado, o Bahia subiu duas posições, está em 16º e agora soma 35 pontos, assim como o Fortaleza, que abre a zona de rebaixamento. Goiás, Coritiba e Botafogo completam o Z-4.

No final de semana o Tricolor de Aço visita o Vasco, 14º colocado com 36, o famoso "jogo de seis pontos". O confronto será no domingo (31) no Estádio São Januário, no Rio de Janeiro.

VAVEL Logo