"Falta de gols incomoda", diz Mancini após empate do Corinthians na estreia do Paulistão
Foto: Ari Ferreira/Red Bull Bragantino

Fevereiro acabou e o Corinthians fechou o mês com apenas uma vitória - 2 a 1 diante do Ceará, pelo Brasileirão. Além disso foram duas derrotas e quatro empates, o último diante do RB Bragantino no último domingo (28), na abertura do Campeonato Paulista. Este foi o terceiro 0 a 0 consecutivo da equipe do Parque São Jorge.

"A falta de gols incomoda muito, mas por outro lado não tomamos gols há três jogos, então vamos fazendo os ajustes na equipe. Vi o Corinthians melhor no primeiro tempo do que no segundo, porque a equipe errou muitos passes, perdemos a compactação e isso acabou me irritando, mas tínhamos uma estratégia de jogo, e a partir do momento em que eu fizesse as alterações, mudaríamos o jeito de jogar", analisou o técnico Vagner Mancini após o apito final em Bragança Paulista.

O destaque do jogo foi o goleiro Cássio e o Corinthians apresentou dificuldades também na criação de jogadas, tanto que sequer finalizou na direção do gol durante o primeiro tempo e completou 430 minutos sem balançar as redes.

"Pelo o que as duas equipes fizeram, foi bom, bem truncado, cada um tentando o gol. Ninguém gosta de levar gols, agora é seguir nessa pegada e tentar evoluir", completou o zagueiro Jemerson

O Bragantino deu trabalho ao goleiro Cássio desde o início. Claudinho e Lucas Evangelista finalizaram logo nos primeiros dez minutos, sendo o primeiro em jogada individual e o outro após uma bola trabalhada pela esquerda que terminou com chute de fora da área do meio-campista.

A primeira chance do Corinthians veio na sequência de um erro na saída de bola do rival, mas a finalização saiu à esquerda de Cleiton. Aliás, no primeiro tempo o time de Mancini errou o alvo nas cinco vezes que chegou ao ataque.

Os donos da casa voltaram melhor após o intervalo, com Claudinho inspirado obrigando Cássio a fazer boa defesa e depois colocando Vitinho na cara do gol, mas o camisa 30 pegou mal na bola e chutou à direita do arqueiro rival.

Na reta final do jogo, Léo Ortiz mandou a bola na rede ao escorar um cruzamento de Edimar em falta cobrada pela ponta esquerda, mas após checagem do VAR a arbitragem assinalou impedimento e o placar continuou zerado.

Sequência

Na segunda rodada, o Corinthians terá pela frente o clássico diante do Palmeiras, em confronto marcado para quarta-feira (3) na Neo Química Arena. No mesmo dia o RB Bragantino encara o São Caetano fora de casa.

O Corinthians está no grupo A, o mesmo de Santo André, Botafogo-SP e Inter de Limeira. Ninguém venceu na rodada de abertura. Já o RB Bragantino integra o grupo B o lado do Novorizontino, que também empatou na estreia. Ituano e Palmeiras completam a chave mas ambos ainda não estrearam.

VAVEL Logo