Fortaleza, Joinville e Remo confirmam classificação à próxima fase da Copa do Brasil
David comemorando gol do Fortaleza sobre o Caxias na Copa do Brasil (Foto: Bruno Oliveira / Fortaleza EC)

Mais três equipes confirmaram, nesta quarta-feira (17), vagas na segunda fase da Copa do Brasil. Em partidas no Sul do Brasil, o Fortaleza bateu o Caxias-RS por 1 a 0 no Estádio Centenário e avançou. Já no Estádio Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves (RS), o Remo fez 2 a 0 sobre o o gaúcho Esportivo e carimbou o passaporte para a fase seguinte. Enquanto isso, no Estádio dos Plátanos, em Santa Cruz do Sul (RS), o Joinville empatou em 0 a 0 com o Santa Cruz-RS e seguiu na disputa da competição mais democrática do país. 

Caxias 0 x 1 Fortaleza

No Centenário, em Caxias do Sul (RS), o Fortaleza abriu o placar logo aos cinco minutos de jogo. David recebeu lançamento em velocidade, invadiu a área e bateu de perna esquerda para abrir o placar. A melhor chance de empate do time da casa aconteceu aos 27, nos pés de Milla. Mas Felipe Alves defendeu tranquilo.

Na volta do intervalo, aos oito, Bruno Melo recebeu na área e chutou, mas a bola pegou na rede pelo lado de fora. O Leão ainda teve uma baixa aos 35, quando Pablo recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Depois, na marca dos 18, Marlon até chegou a balançar as redes para o Caxias, mas a arbitragem assinalou impedimento na jogada. O Caxias ainda pressionou no fim, mas o Fortaleza manteve-se sólido na defesa e comemorou o triunfo. O Leão encara na fase seguinte o vencedor de Penarol-AM e Ypiranga-RS.

Esportivo 0 x 2 Remo

Já na Montanha dos Vinhedos, em Bento Gonçalves (RS), quem pulou na frente foi o Remo. Na marca dos 20 minutos, Marlon recebeu na direita, foi à linha de fundo e cruzou. Felipe Gedoz, na marca do pênalti, não hesitou e mandou para as redes. O Esportivo, no entanto, ainda teve a chance de empatar antes do intervalo. Aos 35, Wesley Pacheco foi derrubado na área. Pênalti para os donos da casa. Mas o próprio Wesley foi para a cobrança e parou na defesa do goleiro Thiago Rodrigues.

Na volta do intervalo, logo aos três minutos, Gedoz ficou cara a cara com o goleiro Anderson, que por sua vez fechou bem o ângulo e evitou o que seria o segundo gol do Leão. E a vida do Esportivo ficaria mais complicada a partir dos 11 minutos: Matheus Nortão colocou a mão na bola, recebeu o segundo amarelo e foi expulso.

Mas o Remo resolveu sua vida aos 41 minutos. Dioguinho foi pra cima da marcação, driblou e chutou para defesa do goleiro. Mas Lucas Tocantins pegou o rebote e mandou para o fundo das redes. Na sequência, Mateus Santana recebeu o segundo amarelo e deixou o Esportivo com dois jogadores a menos. Classificado, o Leão vai encarar o CSA na próxima fase.

Santa Cruz-RS 0 x 0 Joinville

Placar zerado no primeiro tempo no Estádio dos Plátanos, em Santa Cruz do Sul (RS). No entanto, foi o time da casa quem chegou com mais perigo. Aos 28, em boa jogada do Santa Cruz, Laio bateu colocado e obrigou Fabian Volpi a fazer grande defesa. Depois, aos 35, Juliano Fogaça cabeceou com perigo e tirou tinta da trave. Mesmo após o apito para o intervalo, o Joinville teve um jogador expulso: Banguelê discutiu com um companheiro e recebeu o vermelho.

Logo na volta do intervalo, aos quatro, Laion ficou com sobra na área, chutou e levou perigo ao gol do JEC. O Santa pressionou bastante nos minutos finais. Após bate e rebate na área, Thomaz chutou no cantinho e só não fez porque Volpi voou para defender. Aos 48, Thiago Santos cobrou falta colocado, mas parou em boa defesa do goleiro Thiago Santos. Seria o gol do JEC. No minuto 50, Charles fez falta em Pepeto e foi expulso, deixando o Joinville com dois a menos. Mas o Joinville segurou o empate sem gols e comemorou a vaga na segunda fase da Copa do Brasil. A equipe de Santa Catarina vai enfrentar o Atlético-GO.

VAVEL Logo