Corinthians toma sufoco, mas vence Retrô nos pênaltis e segue na Copa do Brasil
Corinthians 1 a 1 Retrô (SC Corinthians Paulista / Divulgação)

Foi com muito mais emoção do que a grande maioria das pessoas imaginava, é bem verdade. Mas, no fim das contas, o Corinthians eliminou o Retrô, em jogo válido pela segunda fase da Copa do Brasil 2021, em partida realizada no estádio Elcyr Resende de Mendonça, nesta sexta-feira (26), em Saquarema-RJ. Após o 1 a 1 no tempo normal, o Timão avançou depois de 5 a 3 na disputa de pênaltis.

Os números da partida, entretanto, foram completamente favoráveis ao time pernambucano, armado no 4-3-3 por Nilson Corrêa: 61% de posse de bola e 14 finalizações (contra oito do Corinthians) - sendo três certas, com duas no alvo do Timão. Os paulistas também jogaram no 4-3-3, comandados por Vagner Mancini.

Sufoco

O Timão começou o jogo buscando o ataque. Antes dos dez minutos de jogo, Gustavo Mosquito e Romulo Otero conseguiram boas oportunidades. Aos 15, Juan Cazares acionou Rodrigo Varanda na área e ele chegou a fintar o goleiro Jean, mas Vinicius Del'Amore impediu o gol. Segundos depois, André Baumer serviu Gelson na área e ele chutou forte demais.

E, quem não faz, toma. Em cobrança de falta no lado esquerdo (que ele mesmo sofreu), Otero colocou a bola no canto direito para abrir o placar aos 18 minutos. O próprio venezuelano, cinco minutos depois, cruzou da esquerda e não conseguiu encontrar Gil. Com 27, Mayco Félix recebeu cruzamento rasteiro de Thiaguinho e finalizou na frente de Cássio, obrigando o goleiro a fazer grande defesa.

Os pernambucanos tiveram mais duas boas oportunidades: aos 32, Janderson avançou pela esquerda e foi desarmado por Jemerson; e, aos 37, após bobeada de Otero, João Braga recebe de Kauê e Gil impede o tento.

Logo nos primeiros segundos da segunda etapa, o Retrô pediu pênalti após chute de João Braga que pegou no braço de Jemerson - o árbitro não marcou. Janderson, Kauê e João Braga, antes dos dez minutos, tiveram mais chances desperdiçadas. Aos 11, o Timão voltou a chegar: Otero cobrou falta na barreta e, no rebote, a redonda explodiu em Lucas Gonçalves. Sete minutos depois, Jemerson cabeceou cobrança de escanteio por cima do travessão.

Com 24, o venezuelano, em mais um tiro de corner, cobrou fechado e obrigou Jean a impedir o gol olímpico dos paulistas. Não era a noite de Jemerson: aos 30, Gil colocou a bola na área e, de carrinho, o zagueiro não conseguiu aproveitar. 

No desespero, o Retrô buscou o empate. Thiaguinho chutou da direita e Cássio defendeu aos 36 minutos. Segundos depois, Mayco Félix aproveitou cobrança de escanteio fechada e cabeceou para a rede. Já nos acréscimos, aos 46, Jô escorou escanteio de Fábio Santos e mandou a redonda à direita da meta.

Na cobrança de pênaltis, Gelson desperdiçou a primeira cobrança do Retrô, chutando no travessão. No Corinthians, todos os cobradores (Fábio Santos, Jô, Léo Natel, Ramiro e Fagner) acertaram, e de nada adiantou as conversões de Neilson, Guilherme e Thallyson para a equipe nordestina.

Próximos jogos

Por conta da suspensão do futebol no estado de São Paulo advinda da prorrogação da fase mais restritiva no combate ao coronavírus e pela terceira fase da Copa do Brasil ainda não ter sido sorteada, o Corinthians não tem jogos agendados. Por outro lado, o Retrô, no dia 4 de abril, viaja para enfrentar o Central às 16h pelo Campeonato Pernambucano 2021.

VAVEL Logo